voluntaria_juliana-2

Complexo, Hospital

Voluntariado do Pequeno Príncipe oferece diversas áreas de atuação

O Hospital conta com um grande time de voluntários. A presença desse grupo auxilia a instituição a garantir um atendimento humanizado às crianças e adolescentes

voluntaria_juliana-2Guiados pelo sentimento de amor ao próximo, centenas de pessoas procuraram o Hospital Pequeno Príncipe para dedicar seu tempo e afeto aos pacientes. Por conta dessa demanda, e para melhor atender as necessidades da instituição, os voluntários são divididos em tarefas específicas.

Desde a higienização de brinquedos até o serviço de odontologia, os voluntários exercem muitas atividades. Todas elas, de alguma forma, agregam muito para o melhor atendimento aos pacientes. “Ser voluntário é uma graça de Deus. Fazer o bem e dar um sorriso traz muita felicidade e gratidão”, conta o dentista voluntário Edino Beltramini, de 85 anos.

Para dar conta de tanto trabalho, os voluntários estão presentes na instituição todos os dias da semana, de manhã, à tarde e à noite. São cidadãos de todas as idades, que trabalham para fazer a vida das crianças e adolescentes hospitalizadas mais feliz.

Confira as atividades executadas pelos voluntários do Pequeno Príncipe:

Recreação: trata-se das atividades que envolvem os pacientes e voluntários diretamente. Os voluntários visitam os ambulatórios, brinquedotecas e enfermarias do Hospital e dedicam toda sua atenção às crianças. Neste momento, brinquedos, materiais didáticos e atividades recreativas fazem parte da rotina do paciente.

Disk Brinquedo: um serviço de quarto inovador, que encaminha jogos, carrinhos, bonecas, entre outros mimos aos pacientes. Os voluntários são responsáveis por levar os brinquedos às crianças  e também higienizam os objetos após a utilização.

Oficinas de trabalhos manuais: os voluntários fabricam materiais que possam ser utilizados no Hospital ou comercializados. A renda é revertida integralmente para a instituição.

Voluntariado corporativo: é uma modalidade na qual empresas parceiras atuam com seus colaboradores prestando serviço voluntário à instituição de forma diferenciada. São realizadas oficinas com as crianças do Hospital Pequeno Príncipe e a empresa é a responsável pelo material.

Voluntariado de odontologia:  o Serviço de Odontologia do Pequeno Príncipe iniciou por meio do voluntariado, e hoje é formado também por profissionais contratados. São pessoas que prestam auxílio complementar para as crianças e adolescentes em tratamento na instituição.

Doadores de talentos: estes são os voluntários que presenteiam as crianças com seu talento. Música, mágica, teatro e dança envolvem os pacientes hospitalizados , garantindo momentos de  de alegria e descontração.

Comemoração para pacientes: em datas comemorativas, os voluntários dedicam-se à realização de uma programação especial com os pacientes. É o caso da festa junina, Diaa das Crianças, Natal, além do próprio aniversário da garotada.

Jovem Abraça Criança: proveniente de parcerias entre o Pequeno Príncipe e algumas escolas, o projeto é realizado no contraturno dos alunos. Os adolescentes têm a oportunidade de vivenciar a experiência de ser voluntário do Hospital, já que é necessário ter mais de 18 anos para exercer essa tarefa. Os colégios participantes são: Integral, Opet, Xavier da Silva, Marista Paranaense e Positivo.

Voluntariado de estrangeiros: visitantes de outros países que estão de passagem por Curitiba também podem ser voluntários no Pequeno Príncipe. Para isso, foi criado um programa diferenciado, que permite horários diferentes para a atuação. Até hoje, voluntários de sete países tiveram a oportunidade de conhecer a rotina do Hospital: Estados Unidos, Bélgica, México, Espanha, Japão, Dinamarca e Nicarágua.

Apoio às doações: em situações específicas, o Hospital Pequeno Príncipe é beneficiado com muitas doações. Desta forma, há voluntários responsáveis por receber tais materiais, além de auxiliar na triagem e encaminhá-los de acordo com as necessidades da instituição.

Campanhas de mobilização social: são atividades desempenhadas pelos voluntários com o objetivo de mobilizar as pessoas, como panfletagem em ações especiais do Pequeno Príncipe.

Outras instituições ligadas ao Pequeno Príncipe: o Hospital também  também presta serviço às ações de voluntariado de instituições parceiras. É o caso do Programa de Apoio, Proteção e Assistência às Crianças e Adolescentes com Mielomeningocele (APPAM) e da Associação Eunice Weaver.

+ Notícias

Faça sua doação