Reconhecimentos

Ao longo da sua história, o Hospital Pequeno Príncipe tem recebido importantes prêmios, homenagens e certificações em reconhecimento ao trabalho de excelência realizado em prol da saúde de crianças e adolescentes de todo o Brasil.

Confira algumas das conquistas dos últimos anos:
2019

– Homenagem na Assembleia Legislativa do Paraná pelos 100 anos do Pequeno Príncipe. O plenário reuniu colaboradores, médicos, pesquisadores, professores e voluntários.

– Conquista do Nível 3 da Organização Nacional de Acreditação (ONA).

2018

– Prêmio Latino-Americano de Excelência em Higienização das Mãos 2017-2018, concedido pela Organização Mundial da Saúde (OMS).

– A presidente voluntária da Associação Hospitalar de Proteção à Infância, Ety da Conceição Gonçalves Forte, recebeu a Medalha Mérito Legislativo durante sessão solene na Câmara dos Deputados, em Brasília.

– O diretor corporativo do Complexo Pequeno Príncipe, José Álvaro da Silva Carneiro, e a neurologista pediátrica do Hospital Pequeno Príncipe, Mara Lúcia Schmitz, foram condecorados com a maior honraria do estado, a Ordem Estadual do Pinheiro, concedida pelo governo do Paraná.

– Prêmio Excelência da Saúde 2018, concedido pelo Grupo Mídia.

– Prêmio Sesi ODS, concedido pelo Serviço Social da Indústria do Paraná (Sesi), do Sistema FIEP.

– Prêmio Hospital Amigo do Meio Ambiente, concedido pela Secretaria de Estado da Saúde de São Paulo.

– Prêmio Melhores do Ano – Paraná 2017/2018, nas categorias Terceiro Setor/Projetos Sociais, para o Hospital Pequeno Príncipe, e Ciência e Pesquisa, para o Instituto de Pesquisa Pelé Pequeno Príncipe. O prêmio é uma realização do Diário Indústria&Comércio.

– A neurocientista e diretora de Relações Institucionais do Instituto de Pesquisa Pelé Pequeno Príncipe, Mara Lúcia Cordeiro, recebeu o Prêmio Personalidades 2018, concedido pela revista TopView e o Grupo RIC.

2017

– A diretora-geral da Faculdades Pequeno Príncipe, Patricia Forte Rauli, recebeu os títulos de Embaixadora da Paz e Doutora Honoris Causa em Filosofia da Educação, concedidos pela Organização das Américas para a Excelência Educativa (ODAEE).

– O professor da Faculdades Pequeno Príncipe, Márcio José de Almeida, recebeu a medalha de Grande Oficial da Ordem do Mérito Médico. Essa é a maior honraria da área da saúde no país e foi entregue pelo então presidente da República, Michel Temer, e pelo ministro da Saúde da época, Ricardo Barros.

2016

– A importância da “Campanha Pra Toda Vida – A violência não pode marcar o futuro das crianças e adolescentes” foi reconhecida com o Prêmio Criança 2016, concedido pela Fundação Abrinq pelos Direitos da Criança e do Adolescente.

– Os médicos Cesar Cavalli Sabbaga, Eurípides Ferreira, Antonio Ernesto da Silveira e Augusto Soares Molinari receberam uma homenagem no Dia do Médico que é voltada a profissionais com 50 anos de atuação exemplar, sem sanção ética. A homenagem foi prestada pelo Conselho Regional de Medicina do Paraná (CRM-PR).

– Prêmio Sesi ODS 2016, concedido pelo Serviço Social da Indústria do Paraná, do Sistema FIEP.

– O trabalho desenvolvido pelo Pequeno Príncipe para a melhoria das condições de vida e tratamento de crianças e adolescentes com doenças raras foi reconhecido com uma homenagem na Assembleia Legislativa do Paraná. A homenagem foi uma iniciativa de mães de pacientes que fazem parte de associações de doenças raras de todo o Brasil e foi proposta pela deputada estadual Maria Victoria Borguetti Barros.

– A atuação multidisciplinar dos setores de Psicologia e Serviço Social do Hospital Pequeno Príncipe junto aos pacientes atendidos pelo Serviço de Transplante de Medula Óssea foi reconhecida com um prêmio no XV Congresso Brasileiro de Oncologia Pediátrica.

2015

– A diretora executiva do Hospital Pequeno Príncipe, Ety Cristina Forte Carneiro, recebeu o título de cavaleira da Ordem Nacional da Legião de Honra da França (Légion d’Honneur).

– A diretora acadêmica da Faculdades Pequeno Príncipe, Ivete Palmira Sanson Zagonel, foi agraciada com o Prêmio Anna Nery, concedido pelo Conselho Federal de Enfermagem (Cofen).

2014

– O Hospital Pequeno Príncipe recebeu o Prêmio ODM Brasil, concedido pelo governo federal.

– O Pequeno Príncipe foi certificado com o Selo ODM, concedido pelo Serviço Social da Indústria do Paraná (Sesi), do Sistema FIEP, pela atuação da instituição em prol do alcance dos Objetivos de Desenvolvimento do Milênio.

– A diretora executiva do Hospital Pequeno Príncipe, Ety Cristina Forte Carneiro, foi condecorada com a maior honraria do estado, a Ordem Estadual do Pinheiro, concedida pelo governo do Paraná.

– O trabalho do Hospital Pequeno Príncipe para transformar a vida de seus pacientes venceu na Região Sul o concurso Campeões do Carinho, promovido pela Johnson&Johnson do Brasil. A iniciativa foi criada para incentivar boas ações durante a Copa do Mundo, da qual a empresa foi uma das patrocinadoras.

– O importante trabalho desenvolvido pelo Instituto de Pesquisa Pelé Pequeno Príncipe foi reconhecido com o Prêmio Orgulho Paranaense, concedido pela Secretaria de Estado do Esporte e do Turismo.

2013

– O Complexo Pequeno Príncipe venceu o Prêmio Abril de Saúde na categoria Saúde da Criança, com uma pesquisa sobre o tumor de córtex adrenal. O prêmio foi concedido pela revista Saúde!, da editora Abril.

– O médico endocrinologista e então aluno de doutorado da Faculdades Pequeno Príncipe, Leandro Diehl, venceu a Imagine Cup 2013, na categoria Cidadania Mundial, concedido pela Microsoft. O prêmio foi conquistado com o jogo eletrônico InsuOnLine.

– Um estudo do Instituto de Pesquisa Pelé Pequeno Príncipe foi o vencedor do 2º Evento de Produção Científica e do 1º Simpósio de Análises Clínicas e Anatomia Patológica da Unidade de Apoio ao Diagnóstico promovidos pelo Hospital de Clínicas, da Universidade Federal do Paraná (UFPR).

Anos anteriores

– Prêmio Jayme Torres, concedido pelo Conselho Federal de Farmácia (Cofen), em 2012.

– 3º lugar no Prêmio Cidadãos do Mundo, na categoria Organizações do Terceiro Setor, concedido pelo jornal Hoje em Dia, de Belo Horizonte (MG), em 2011.

– Prêmio Cultura e Saúde para o projeto Cancioneiro do Brasil, do Setor de Educação e Cultura, concedido pelos ministérios da Cultura e da Saúde, em 2010.

– Prêmio Saúde!, na categoria Saúde da Criança, para o Programa Família Participante. O prêmio foi concedido pela revista Saúde!, da editora Abril, em 2009.

– Prêmio Aberje, concedido pela Associação Brasileira de Comunicação Empresarial, em 2008.

– Prêmio Ludicidade, concedido pelo Ministério da Cultura, em 2008.

– Prêmio Cultura e Saúde para o projeto Criando Asas – Fazendo Arte no Hospital Pequeno Príncipe, concedido pelos ministérios da Cultura e da Saúde, em 2008.

– Grand Prix Top de Marketing ADVB, da ADVB-PR, em 2007.

– Top de Marketing ADVB, na categoria Saúde, concedido pela ADVB-PR, em 2007.

– A então diretora de Marketing e Relações Institucionais, Ety Cristina Forte Carneiro, foi agraciada com o prêmio Mulheres Mais Influentes do Brasil, na categoria Terceiro Setor, concedido pelos jornais Gazeta Mercantil e Jornal do Brasil, em 2007.

– Prêmio Saúde Oncologia América Latina, concedido pela Novartis Oncologia e Aguilla Saúde, em 2006.

– Prêmio Aberje Sul de melhor boletim informativo da Região Sul, para o Doar-te, e de melhor projeto especial, para o livro Um Hospital de Crianças, concedido pela Associação Brasileira de Comunicação Empresarial, em 2006.

– Prêmio Aberje Brasil de melhor boletim informativo para o Doar-te, concedido pela Associação Brasileira de Comunicação Empresarial, em 2006.

– Menção honrosa no Prêmio Zilda Arns de Responsabilidade Social, do Top Social ADVB, concedido pela ADVB-PR, em 2006.

– Conquista da certificação ISO 9001:2000, em 2006.

– Prêmio Marketing Best de Responsabilidade Social, concedido pela Editora Referência/revista Marketing e Madia Marketing School, em 2005.

– Prêmio Bem Eficiente, concedido pela Kanitz & Associados, em 2005.

– Prêmio FAE/FIEP de Responsabilidade Social, concedido pela FAE Business School e pela Federação das Indústrias do Estado do Paraná, em 2004.

– Prêmio Zilda Arns de Responsabilidade Social, do Top Social ADVB, concedido pela ADVB-PR, em 2004.

– Prêmio Criança, concedido pela Fundação Abrinq pelos Direitos da Criança e do Adolescente, em 2002.

– Prêmio Top of Mind, na categoria Top Baby, concedido pela revista Amanhã, em 2002.

– Reconhecimento do Ministério da Saúde pelos programas de humanização do Hospital Pequeno Príncipe, em 2002.

– Prêmio Unidas/Assepas, em reconhecimento como hospital destaque no atendimento de alta complexidade no Paraná, em 2002.

– Prêmio Dignidade Solidária, concedido pelo Centro Paranaense de Cidadania.

Ver menos