Eletroencefalografia

O eletroencefalograma é um exame de métodos gráficos. Nele, eletrodos são colocados sobre o couro cabeludo e, por meio deles, é feito o registro gráfico das correntes elétricas do cérebro. É utilizado, principalmente, para o diagnóstico de epilepsia, bem como para identificar distúrbios do sono, por exemplo.

No Hospital Pequeno Príncipe, o Serviço de Eletroencefalografia e Videomonitorização Eletroencefalográfica faz parte do Serviço de Neurologia. O exame disponibilizado pode ser feito em bebês, crianças e adolescentes. Nele, eletrodos são fixados em posições predefinidas no couro cabeludo do paciente. O exame dura, em média, 30 minutos e durante o procedimento pode ser registrado um vídeo, para que seja avaliado juntamente com os resultados do eletroencefalograma. O resultado estará disponível entre três e quatro dias úteis. Também são realizados exames de videomonitorização eletroencefalográfica de 6, 12, 24 e 72 horas. O serviço conta atualmente com três laboratórios de videomonitorização eletroencefalográfica e com mais quatro aparelhos de vídeo-EGG portáteis.

São atendidos pacientes via Sistema Único de Saúde (SUS), convênios e particulares. O atendimento é feito a crianças e adolescentes internados nas quatro unidades de terapia intensiva do Hospital, bem como aos demais pacientes internados e externos sob agenda. Os exames do SUS são realizados mediante a solicitação dos médicos neurologistas que atendem no Ambulatório de Especialidades do Pequeno Príncipe, após consulta no local. Os exames de videomonitorização (EEG) para pacientes do Sistema Único de Saúde são feitos somente com a autorização e a liberação das secretarias municipal e estadual da Saúde.

Preparo para o eletroencefalograma

Para garantir o sucesso do exame, alguns cuidados são fundamentais:

  • no dia anterior ao eletroencefalograma, a criança ou o adolescente deverá lavar a cabeça apenas com xampu, sem o uso de condicionador nem de gel;
  • no dia do exame, o paciente deverá reduzir o tempo de sono de acordo com o intervalo estipulado, devendo dormir da meia-noite até as 5h; e
  • o menino ou a menina deverá estar em jejum de quatro horas.

Histórico

  • O Serviço de Eletroencefalografia e Videomonitorização Eletroencefalográfica do Hospital Pequeno Príncipe iniciou as suas atividades em 1985, com um equipamento encefalógrafo analógico cedido pelo médico Sergio Machado. Em 1987, esse equipamento foi substituído com a compra de um aparelho analógico da marca Berger, com oito canais.
  • Em 1995, foi adquirido o primeiro equipamento digital da marca Neurotec, quando foi possível realizar também a videomonitorização eletroencefalográfica. O aparelho foi utilizado por vários anos para exames ambulatoriais.
  • Em 2004, o Pequeno Príncipe adquiriu um novo modelo digital da marca Neurotec, que passou a permitir a realização de exames eletroencefalográficos, videomonitorização e polissonografia. Também foi adquirido um equipamento da Nyhon-Kodhen para videomonitorização de até 54 canais.
  • De 2008 a 2015, o serviço passou a atuar com quatro aparelhos digitais próprios para exames de rotina e vídeo-EEGs nas UTIs.
Ver menos

Atendimento

SUS

Os pacientes do SUS precisam ser encaminhados por uma unidade básica de saúde de sua cidade de origem, por meio da Central de Agendamento de Consultas.
Telefone: (41) 3514-4141
Atendimento: de segunda a sexta-feira, das 8h às 17h
Endereço: Av. Silva Jardim, 1.766 (1º andar)
E-mail: eletroencefalograma@hpp.org.br

Convênios e particular

Para agendar uma consulta por meio de convênio médico ou particular, basta entrar em contato, com a Central de Agendamento, pelo telefone abaixo.
Telefone: (41) 3514-4141
Atendimento: de segunda a sexta-feira, das 8h às 17h
Endereço: Av. Silva Jardim, 1.766 (1º andar)
E-mail: eletroencefalograma@hpp.org.br

Equipe

  • Dr. Alfredo Löhr Junior

    Médico Responsável

    Dr. Alfredo Löhr Junior

    CRM-PR 5657

  • Dr. Paulo Breno Noronha Liberalesso

    CRM-PR 17160

  • Dra. Rafaela Grochoski

    CRM-PR 28674

O exame em números

  • 3.240

    eletroencefalogramas realizados