Complexo, Hospital, Instituto de Pesquisa

Comitê de Ética em Pesquisa Envolvendo Seres Humanos do Hospital Pequeno Príncipe recebe cerca de 70 novos projetos por ano

Todos os estudos científicos realizados nas dependências da instituição são submetidos ao grupo

O médico Nilton Kiesel Filho coordena os trabalhos do Comitê de Ética em Pesquisa Envolvendo Seres Humanos do Hospital Pequeno Príncipe (CEP).

O Comitê de Ética em Pesquisa Envolvendo Seres Humanos do Hospital Pequeno Príncipe (CEP) avalia – do ponto de vista ético e metodológico – todos os estudos científicos realizados nas dependências da instituição. Criado em 2000, já acompanhou mais de 1.600 pesquisas e recebe uma média de 70 novos projetos todos os anos.

Formado por um colegiado multidisciplinar, o grupo conta com 16 membros. São médicos, enfermeiros, psicólogos, biólogos, neurocientistas, farmacêuticos e um representante de usuário do serviço de saúde, que atuam de maneira consultiva, deliberativa e educativa desde a análise e aprovação dos projetos de pesquisa até o acompanhamento dos estudos científicos na instituição. “Nossa intenção é ter o pesquisador como parceiro em nível ético-científico, regulando, orientando e incentivando a pesquisa com seres humanos”, reforça o coordenador do CEP do Pequeno Príncipe, médico Nilton Kiesel Filho.

O pesquisador do Instituto de Pesquisa Pelé Pequeno Príncipe, Bonald Figueiredo, já submeteu sete estudos ao CEP do Hospital e destaca a importância do grupo. “Ao analisar um projeto, o colegiado indica falhas e recomenda alterações e soluções, o que torna o projeto com menor chance de erros éticos”, completa.

Já para o residente em neuropediatria, Daniel Valle, o Comitê de Ética em Pesquisa facilitou para a elaboração de um projeto coeso, viável e de acordo com aspectos éticos para a realização de três pesquisas com seres humanos. “O CEP permite uma maior humanização dos estudos e auxílio na aplicabilidade das pesquisas para a promoção da saúde”, acrescenta o médico.

Certificações

O CEP do Hospital Pequeno Príncipe está certificado pelo Conselho Nacional de Ética em Pesquisa (CONEP), Conselho Nacional de Saúde (CNS) e Ministério da Saúde. A instituição também é reconhecida como IRB (Institutional Review Board) em pesquisas com seres humanos compartilhadas com o Departamento de Saúde Americano e Investigações Clínicas no FDA (Food and Drug Administration).

Por meio do CEP, o Hospital também recebeu a certificação FWA (Federalwide Assurance for the Protection Of Human Subjects), que o reconhece como uma unidade que cumpre as regulações éticas internacionais na realização de trabalhos científicos

+ Notícias

Mitos e verdades: gripe

A vacina gratuita está disponível nas Unidades Básicas de Saúde até o dia 1.º de junho. Crianças a partir de seis meses até cinco anos estão no grupo prioritário

Faça sua doação