Semana Mundial do Aleitamento Materno: mitos e verdades relacionados à COVID-19 - Complexo Pequeno Príncipe

Complexo, Doe, Faculdades, Gols Pela Vida, Hospital, Instituto de Pesquisa

Semana Mundial do Aleitamento Materno: mitos e verdades relacionados à COVID-19

Importante ato de amor e essencial ao perfeito desenvolvimento das crianças, a amamentação deve ser reforçada e mantida nesta fase de pandemia

No encerramento da Semana Mundial do Aleitamento Materno, celebrada de 1° a 7 de agosto, o Hospital Pequeno Príncipe reforça a importância da amamentação para assegurar o desenvolvimento saudável de crianças, mesmo diante do cenário de pandemia do coronavírus.

 

Conheça os mitos e verdades sobre amamentação segura e COVID-19!

1. A mãe que esteja com suspeita ou confirmação da COVID-19 pode continuar amamentando?

VERDADE
Autoridades sanitárias e especialistas em todo mundo defendem que a amamentação deve ser mantida mesmo nos casos em que a mãe esteja com suspeita ou confirmação da doença.

2. A mãe não deve tocar o bebê e é melhor usar luva?

MITO
Basta lavar bem as mãos por pelo menos 20 segundos ou utilizar álcool gel 70% antes e depois de tocar no bebê.

3. O uso da máscara é essencial e a mãe deve evitar falar, cantar, tossir ou espirrar durante a amamentação?

VERDADE
As máscaras podem ser de tecido ou descartáveis e devem cobrir completamente a boca e o nariz da mãe. Em caso de tosse ou espirro e também a cada nova mamada, a máscara deve ser trocada. As máscaras cirúrgicas descartáveis devem ser dispensadas corretamente em um saco plástico devidamente fechado. Já as máscaras de tecido são de uso individual e devem ser lavadas com água e sabão, além de colocadas de molho em solução de água sanitária diluída em água.

4. Os bebês não correm riscos, então podem tocar normalmente o rosto da mãe enquanto mamam?
MITO
Apesar da COVID-19 se manifestar de formas mais severas em pessoas mais velhas, os bebês não são imunes à doença e, mesmo assintomáticos, podem transmiti-la para outras pessoas. Por isso, mesmo que a troca de carinho no momento da amamentação seja uma delícia, é melhor que as mãozinhas dos pequenos não toquem o rosto da mãe, principalmente boca, nariz, olhos e também o cabelo.

5. A mama também deve ser lavada antes de amamentar?

MITO
Só é necessário lavar também a mama se a mãe tossir ou espirrar sobre o peito exposto. Aí deve-se lavar a mama por 20 segundos, com água e sabão, antes da próxima mamada. Se isso não acontecer, não há necessidade de fazer a higienização.

LEIA TAMBÉM – Pequeno Príncipe reforça a importância da amamentação durante a pandemia

+ Notícias

Faça sua doação