Sábado é o Dia D da Campanha Nacional de Vacinação contra a Poliomielite e o Sarampo - Hospital Pequeno Príncipe

Notícias

Sábado é o Dia D da Campanha Nacional de Vacinação contra a Poliomielite e o Sarampo

Neste 18 de agosto, a meta do Ministério da Saúde é que o índice de crianças vacinadas entre 1 e 5 anos incompletos, público-alvo da ação, melhore em relação aos dados verificados desde o início da mobilização
17/08/2018

Até o dia 14 de agosto, 84% das crianças que integram o público-alvo da Campanha Nacional de Vacinação contra a Poliomielite (paralisia infantil) e o Sarampo, do Ministério da Saúde, ainda não haviam recebido as doses.  A meta do governo federal é de imunizar 11,5 milhões de meninos e meninas, de 1 a 5 anos incompletos, e atingir o marco de 95% de cobertura vacinal nessa faixa etária, conforme recomendado pela Organização Mundial da Saúde (OMS).

Pais e responsáveis por crianças de 1 a 5 anos incompletos devem levar seus filhos ás unidades de saúde até o dia 31 de agosto. Foto: Tomaz Silva/Agência Brasil.

Por conta dessa situação, neste sábado, 18 de agosto, Dia D de mobilização nacional contra o sarampo e a poliomielite, faz-se essencial a atenção de pais e responsáveis para a necessidade de levarem as crianças às unidades de saúde. A médica e coordenadora do Serviço de Epidemiologia e Controle de Infecção Hospitalar (SECIH) e do Serviço de Imunizações do Hospital Pequeno Príncipe, Heloisa Giamberardino, lembra que as vacinas são essenciais para garantir uma vida saudável. “Elas reduzem a mortalidade, as sequelas e evitam doenças. É uma forma de prevenção primária”, comenta.

Em Curitiba, 28 unidades básicas de saúde estarão abertas, das 8 às 17 horas, exclusivamente em função desta ação. A campanha, que começou em 6 de agosto, vai até o dia 31 em todo o país.

Na capital paranaense, além da programação especial para o Dia D, as vacinas estão disponíveis de segunda a sexta-feira, em horário comercial, em 110 unidades de saúde. É preciso apresentar um documento de identificação e é recomendável levar a carteira de vacinação.

Estratégia
Em 2018, a vacinação será feita de forma indiscriminada, o que significa que mesmo as crianças que já estão com esquema vacinal completo devem ser levadas às unidades de saúde para receber mais um reforço. No caso da poliomielite, as que não tomaram nenhuma dose ao longo da vida vão receber a vacina injetável e as que já tomaram uma ou mais doses devem receber a oral.

Para o sarampo, todas as crianças, de 1 a 5 anos incompletos,  vão receber uma dose da tríplice viral, desde que não tenham sido vacinadas nos últimos 30 dias. Mesmo os adultos que não foram vacinados na infância contra a doença podem procurar as unidades de saúde para se imunizar.

No caso do sarampo, a recomendação é que as pessoas com até 29 anos tenham na carteira de vacinação o registro de duas doses da vacina tríplice viral. Já quem tem entre 30 e 49 anos deve ter, ao menos, uma dose da vacina tríplice viral.

Dia D em Curitiba

Unidades de saúde que estarão abertas neste sábado, dia 18, das 8 às 17 horas, para a vacinação contra a poliomielite e o sarampo:
Distrito Sanitário do Bairro Novo
U.S Coqueiros (Rua Coronel Victor Agner Kendrick, 80 – Sitio Cercado)
U.S Osternack (Rua Miguel Rossetim, 100 – Vila Osternack)

Distrito Sanitário do Boa Vista
U.S Abranches (Rua Aldo Pinheiro, 60 – Abranches)
U.S Bairro Alto (Rua Jornalista Alceu Chochorro, 314 – Bairro Alto)
U.S Santa Cândida (Avenida Paraná, 5.050 – Santa Cândida)

Distrito Sanitário do Boqueirão
U.S Eucaliptos (Rua Lázaro Borsato, 150 – Alto Boqueirão)
U.S Vila Hauer (Rua Waldemar Kost, 650 – Hauer)

Distrito Sanitário Cajuru
U.S Cajuru (Rua Pedro Bochino, 750 – Vila Oficinas)
U.S Salgado Filho (Avenida Senador Salgado Filho, 5.265 – Uberaba)

Distrito Sanitário CIC
U.S Caiuá (Rua Arnaud Ferreira Vellozo, 200 – Cidade Industrial)
U.S Oswaldo Cruz (Rua Pedro Gusso, 3.749 – Cidade Industrial)
U.S Sabará (Rua Pedro Andretta, 3.030 – Cidade Industrial)
U.S Vila Verde (Rua Emílio Romani, 200 – Cidade Industrial)
U.S Taís Viviane Machado (Rua Gastão Natal Simone, 05 – Cidade Industrial)

Distrito Sanitário Matriz
U.S Mãe Curitibana (Rua Jaime Reis, 331 – Alto do São Francisco)
U.S Ouvidor Pardinho (Rua 24 de Maio, s/n.º – Praça Ouvidor Pardinho)

Distrito Sanitário Pinheirinho
U.S Parque Industrial (Rua Laudelino Ferreira  Lopes, 1.801 – Capão Raso)
U.S Vila Clarice (Rua Eloy de Assis Fabris, 634 – Novo Mundo)

Distrito Sanitário Portão
U.S Vila Guaíra (Rua São Paulo, s/n – Vila Guaíra)
U.S Santa Quitéria II (Rua Bocaíuva, 310 – Santa Quitéria)

Distrito Sanitário Santa Felicidade
U.S Butiatuvinha (Avenida Manoel Ribas, 8.640 – Butiatuvinha)
U.S Campina do Siqueira (Rua General  Mário Tourinho, 1.684 – Campina do Siqueira)
U.S São Braz (Rua Antonio Escorsin, 1.960 – São Braz)

Distrito Sanitário Tatuquara
U.S Dom Bosco (Rua Angelo Tosin, 100 – Campo do Santana)
U.S Monteiro Lobato (Rua Olivio José Rosetti, s/n – Tatuquara)
U.S Moradias da Ordem (Rua Jovenilson Americo de Oliveira, 240 – Tatuquara)
U.S Pompéia (R. João Batista Bettega Jr. s/n – Tatuquara)
U.S Rio Bonito (R. Fanny Bertoldi, 170 – Campo do Santana)
Fonte: Prefeitura de Curitiba

LEIA TAMBÉM – Poliomielite e sarampo: campanha nacional de vacinação quer atingir 11,5 milhões de crianças

+ Notícias

18/04/2024

Desenvolvimento do bebê: da gestação ao parto

O vínculo formado, as relações emocionais e os estímulos durante a gravidez fazem parte da Primeiríssima Infância
16/04/2024

COVID-19 e dengue são ameaças à saúde das crianças no Brasil

Primeiro trimestre de 2024 foi marcado pela elevação do número de casos e de mortes provocadas pelas duas doenças
11/04/2024

Renúncia fiscal transforma a vida de crianças e adolescentes

Destinação do Imposto de Renda contribui para a equidade no atendimento em saúde a pacientes vindos de todo o país
08/04/2024

Pronon e Pronas: Pequeno Príncipe contribui com consulta pública

Há dez anos, o Hospital elabora, executa e presta contas de projetos desenvolvidos dentro dos programas
07/04/2024

Dia Mundial da Saúde: “Minha Saúde, Meu Direito”

O Hospital Pequeno Príncipe desenvolve uma série de iniciativas em favor da proteção integral de meninos e meninas
02/04/2024

TDAH e autismo: quais são as semelhanças e diferenças?

A identificação da manifestação dos sintomas é crucial para o diagnóstico e tratamento adequados e individualizados
Ver mais