Ronco é sinal de alerta à saúde das crianças - Hospital Pequeno Príncipe

Notícias

    Ronco é sinal de alerta à saúde das crianças

    Na sexta live promovida pelo Hospital Pequeno Príncipe, o médico e chefe do Serviço de Otorrinolaringologia, Lauro João Lobo Alcântara, esclareceu importantes questões sobre o assunto
    06/10/2020

    Um alerta aos pais, responsáveis e cuidadores na sexta live promovida pelo Hospital Pequeno Príncipe com temas pertinentes à saúde infantojuvenil. O painel “Ronco: Quando Levar Meu Filho ao Otorrino?”, realizado no dia 23 de setembro, trouxe orientações importantes sobre o sono na infância e adolescência.

    Transmitido pelo perfil do Hospital no Instagram, o bate-papo virtual, realizado a cada 14 dias, sempre às quartas-feiras, às 17 horas, contou com a presença do médico e chefe do Serviço de Otorrinolaringologia do Pequeno Príncipe, Lauro João Lobo Alcântara. O especialista reforçou sinais e sintomas que devem ser analisados nos meninos e meninas. “Criança que ronca, se bate muito para dormir, rola na cama, transpira muito à noite, fica muito com a boca aberta, baba e demonstra-se irritada precisa ser bem observada”, completou.

    Alcântara lembra que é mais grave a situação quando a criança ou o adolescente faz apneia dormindo (ruídos e interrupções na respiração que se repetem). “Essa situação tem que ser avaliada por um otorrinolaringologista. Vale lembrar que não é necessário apresentar todos esses sinais e sintomas citados”, reforçou o médico.

    O médico e chefe do Serviço de Otorrinolaringologia do Pequeno Príncipe, Lauro João Lobo Alcântara, trouxe informações importantes aos pais, responsáveis e cuidadores.

    Lives

    Também participaram das lives o vice-diretor técnico do Pequeno Príncipe, o infectologista pediátrico Victor Horácio de Souza Costa Júnior, que esclareceu dúvidas importantes no painel “Retorno às Aulas e Pandemia – Quais as Perspectivas em Meio ao Cenário Atual?”, a médica imunologista pediátrica do Hospital Pequeno Príncipe e pesquisadora do Instituto de Pesquisa Pelé Pequeno Príncipe, Carolina Prando, que abordou o tema “Seu Filho tem Infecções de Repetição?”,  o gastroenterologista pediátrico Mário Vieira, que falou sobre “Alergias Alimentares”, e a médica oncologista pediátrica do Pequeno Príncipe, Ana Paula Kuczynski, comandou o bate-papo sobre  “A Importância do Diagnóstico Precoce nos Casos de Câncer Infantil”.

    No Setembro Amarelo, o painel “Prevenção ao Suicídio na Infância e Adolescência: Precisamos Falar Sobre Isso” trouxe importantes orientações da psicóloga Daniela Prestes. Para saber a programação completa e conferir as edições anteriores, basta acompanhar as redes sociais da instituição.

    PROGRAME-SE!

    “Vacinação: Tudo o que Você Precisa Saber” é o tema da live do Hospital Pequeno Príncipe nesta quarta-feira, dia 7 de outubro, às 17 horas, com a participação da médica pediatra Heloisa Ihle Garcia Giamberardino, coordenadora do Serviço de Epidemiologia e Controle de Infecção Hospitalar da instituição. Acesse o nosso perfil no Instagram. Você também pode encaminhar perguntas e interagir durante o bate-papo. Divulgue, compartilha e faça a diferença em prol da saúde de todas as nossas crianças e adolescentes. Vale lembrar que estamos na Campanha Nacional de Vacinação contra a Poliomielite para crianças de até 5 anos e também de Multivacinação para Atualização de Caderneta da Criança e do Adolescente. As ações, sob o comando do Ministério da Saúde, seguem até 30 de outubro. Em 17/10, sábado, será o dia da mobilização nacional.

    + Notícias

    07/12/2022

    5 dicas para manter uma alimentação saudável nas férias

    O Hospital Pequeno Príncipe relembra a importância de cuidar de alguns hábitos nesta época do ano
    06/12/2022

    Espetáculo de Natal vai alterar o trânsito no entorno do Hospital

    As apresentações do “Papai Noel na Sumiçolândia” acontecerão nos dias 9, 10 e 11 de dezembro, às 21h, na fachada histórica da instituição
    05/12/2022

    Serviço de Ortopedia do Pequeno Príncipe é referência em tratamento de doenças e síndromes complexas

    Em 2021, o serviço realizou 17.249 procedimentos cirúrgicos, além de 13.040 consultas ambulatoriais
    02/12/2022

    Mitos e verdades sobre convulsões

    Distúrbio que provoca grande apreensão nos pais, as convulsões precisam de acompanhamento médico
    29/11/2022

    Dia de Doar: renúncia fiscal tem potencial de arrecadar até R$ 8 bilhões

    Data criada há 20 anos nos Estados Unidos pretende fortalecer cultura de doações no Brasil. Doações via Imposto de Renda podem ser feitas até dia 29 de dezembro
    25/11/2022

    Hemodinâmica: cateterismo evita cirurgias de grande porte em neonatos

    O serviço do Hospital Pequeno Príncipe é referência nacional em pediatria e, em 2021, realizou 297 cateterismos
    Ver mais