Instituto de Pesquisa integra rede nacional de pesquisas em oncologia pediátrica

Notícias

Equipe do Instituto de Pesquisa integra rede nacional de pesquisas em oncologia pediátrica

Mobilizada pelo Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação, a rede vai atuar para contribuir com o aumento nos índices de cura do câncer infantojuvenil
21/08/2023
pesquisas em oncologia pediátrica
Pesquisadores foram selecionados para participar de uma rede nacional de pesquisas em oncologia pediátrica.

Um grupo de pesquisadores do Instituto de Pesquisa Pelé Pequeno Príncipe, liderado pelo cientista Roberto Rosati, foi selecionado para participar de uma rede nacional de pesquisas em oncologia pediátrica. A iniciativa é do Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação, por meio do Programa Institutos Nacionais de Ciência, Tecnologia e Inovação (INCTs).

O objetivo do INCT BioOncoPed é integrar e consolidar a comunidade de pesquisa em câncer infantojuvenil no Brasil, em colaboração com grupos internacionais de excelência. Além disso, busca associar pesquisa biológica e clínica, assistência médica e social, empreendedorismo e inovação tecnológica. Tudo isso para contribuir com a evolução do conhecimento e proporcionar melhorias nos índices de cura e de qualidade de vida de crianças e adolescentes com câncer.

O que é um INCT?

O Programa INCT se caracteriza por grandes projetos de pesquisa de longo prazo. Além disso, envolve redes nacionais e/ou internacionais de cooperação científica para o desenvolvimento de projetos de impacto científico e de formação de recursos humanos.

Cada INCT atua em temas de diferentes áreas do conhecimento. E também envolve milhares de pesquisadores e bolsistas em temáticas complexas, em diversos laboratórios e centros que integram as redes de pesquisa.

pesquisas em oncologia pediátrica
A instituição vai analisar as células de leucemia e nos tumores do sistema nervoso central.

Como o Pequeno Príncipe vai contribuir com as pesquisas em oncologia pediátrica?

O câncer infantojuvenil corresponde a um grupo de várias doenças que têm em comum a proliferação descontrolada de células anormais e que podem ocorrer em qualquer local do organismo. Assim como é observado nos países desenvolvidos, no Brasil, o câncer já representa a primeira causa de morte (8% do total) por doença entre crianças e adolescentes de 1 a 19 anos. A estimativa é de cerca de oito mil novos casos para 2023.

A equipe do Instituto de Pesquisa terá três anos para desenvolver os projetos, que estão sendo definidos e serão executados em parceria com o Serviço de Oncologia do Hospital Pequeno Príncipe, que atende aproximadamente cem novos pacientes com câncer por ano.

“Vamos concentrar nossos estudos na análise aprofundada das células de leucemia e nos tumores do sistema nervoso central. Esses são os dois tipos de câncer mais comumente tratados no Hospital”, explica Rosati. Os projetos devem ser iniciados ainda neste ano.

O Pequeno Príncipe é signatário do Pacto Global desde 2019. A iniciativa presente nesse conteúdo contribui para o alcance do Objetivo de Desenvolvimento Sustentável (ODS): Indústria, Inovação e Infraestrutura (ODS 9) e Parcerias e Meios de Implementação (ODS 17).

Acompanhe os conteúdos também nas redes sociais do Pequeno Príncipe e fique por dentro de informações de qualidade – FacebookInstagramTwitterLinkedIn e YouTube.

+ Notícias

18/04/2024

Desenvolvimento do bebê: da gestação ao parto

O vínculo formado, as relações emocionais e os estímulos durante a gravidez fazem parte da Primeiríssima Infância
16/04/2024

COVID-19 e dengue são ameaças à saúde das crianças no Brasil

Primeiro trimestre de 2024 foi marcado pela elevação do número de casos e de mortes provocadas pelas duas doenças
11/04/2024

Renúncia fiscal transforma a vida de crianças e adolescentes

Destinação do Imposto de Renda contribui para a equidade no atendimento em saúde a pacientes vindos de todo o país
08/04/2024

Pronon e Pronas: Pequeno Príncipe contribui com consulta pública

Há dez anos, o Hospital elabora, executa e presta contas de projetos desenvolvidos dentro dos programas
07/04/2024

Dia Mundial da Saúde: “Minha Saúde, Meu Direito”

O Hospital Pequeno Príncipe desenvolve uma série de iniciativas em favor da proteção integral de meninos e meninas
02/04/2024

TDAH e autismo: quais são as semelhanças e diferenças?

A identificação da manifestação dos sintomas é crucial para o diagnóstico e tratamento adequados e individualizados
Ver mais