CHIEF: Pequeno Príncipe se destaca pelas ações ambientais

Notícias

Hospital se destaca em encontro internacional por ações ambientais

Instituição é a única entre as organizações de 12 países a ter um indicador em saúde ambiental 
07/05/2024
CHIEF
Diretor-corporativo do Pequeno Príncipe, José Álvaro Carneiro; Diretor-gerente do Sant Joan de Déu Barcelona del Castillo; Diretor-executivo do Seattle Children’s Hospital, Jeff Sperring, a instituição americana figura ao lado do Pequeno Príncipe como referência mundial em ações ambientais.

O Pequeno Príncipe foi destaque internacional por suas ações ambientais. As iniciativas foram apresentadas no encontro anual do Fórum Executivo Internacional dos Hospitais Infantis (Children’s Hospital’s International Executive Forum – CHIEF), que ocorre entre 6 e 8 de maio, em Barcelona, na Espanha. Entre as quase 30 instituições de saúde de 12 países presentes, o hospital brasileiro é o único do mundo que possui um indicador de saúde ambiental como parte do seu planejamento estratégico.

Esse índice monitora o consumo de energia elétrica, água e resíduos de saúde por paciente/dia, e estabelece um indicador único a partir da média das metas individuais de cada item, definidas com base nas taxas registradas nos últimos dez anos. Historicamente, os dados do Pequeno Príncipe sempre ficaram abaixo da média dos indicadores dos principais hospitais privados do Brasil, de acordo com o relatório da Associação Nacional de Hospitais Privados (Anahp).

Em 2023, o Hospital superou a sua meta de saúde ambiental em 10%. Em relação ao consumo de energia elétrica, a instituição registrou 32,90 KWh/paciente/dia, índice 70% inferior à média nacional que foi de 109,55 KWh/paciente/dia. O consumo de água também foi menor: 0,76m³/paciente/dia contra 0,89m³/paciente/dia. Considerando os resíduos hospitalares, o Pequeno Príncipe produziu 1,70kg/paciente/dia, metade do índice nacional (3,40kg/paciente/dia).

Exemplo

O Pequeno Príncipe apresentou ainda dados da sua geração de gases de efeito estufa (GEEs), que afetam o clima gerando aquecimento global, e as ações de mitigação e compensação, além do planejamento futuro para chegar a um balanço positivo para o consumo de natureza.

“Tendo em mente tudo que está acontecendo no planeta por causa das mudanças climáticas, não há como não pensar em aprofundamento de nossas ações ambientais. Vivemos uma crise ambiental, por isso precisamos radicalizar e oferecer o exemplo. É urgente mergulhar no que possa ser inteligência climática e ambiental”, destaca o diretor-corporativo do Complexo Pequeno Príncipe, José Álvaro Carneiro.

Futuro

O próximo passo garante o compromisso da instituição com o meio-ambiente. O Pequeno Príncipe anunciou em Barcelona que participará do processo para obtenção do certificado Life, que oferece reconhecimento de organizações comprometidas com a conservação da biodiversidade e manutenção dos serviços ecossistêmicos. Os certificadores credenciados são responsáveis pela realização de auditorias e emissão do documento, que se baseia nas melhores práticas internacionais relacionadas à gestão de sistemas de certificação. O objetivo é ter um plano de implantação e adequação de práticas, até 2026, para garantir maior adesão e um controle mais efetivo, cooperativo e refinado dos indicadores.

“Trabalhar na pediatria e em uma organização que percebe a criança como sujeito de direitos, precisa trazer a todos nós uma aguda noção ambiental e, portanto, de bom futuro. Nosso compromisso com o equilíbrio nas relações com a natureza nos trouxe destaque global. É com este reconhecimento que cobrei dos presentes uma postura mais proativa e contemporânea quanto às mudanças climáticas”, finaliza Carneiro.

CHIEF
Hospital Pequeno Príncipe é destaque em Children’s Hospital’s International Executive Forum – CHIEF.

Acompanhe também as redes sociais do Pequeno Príncipe e fique por dentro de informações de qualidade!
FacebookInstagramTwitter, LinkedInYouTube e TikTok.

+ Notícias

22/05/2024

Qual é a importância do vínculo afetivo na Primeiríssima Infância?

A ligação entre a criança e seus cuidadores se estabelece ainda na gravidez e se estende por um longo caminho após o nascimento
18/05/2024

Aumentam registros de violência contra crianças e adolescentes

Nas últimas duas décadas, foram mais de nove mil pacientes atendidos no Hospital Pequeno Príncipe por maus-tratos; violência sexual predomina
17/05/2024

Pequeno Príncipe mobilizado pelo Rio Grande do Sul

Iniciativas vão desde teleconsultas a crianças e adolescentes em parceria com hospital gaúcho até mobilização de profissionais
15/05/2024

Como falar sobre as enchentes com as crianças?

Hospital Pequeno Príncipe destaca a importância de agir com sensibilidade e estar atento aos sinais de sofrimento manifestados pelos pequenos
13/05/2024

É normal a criança ter amigos imaginários?

A criação desses personagens é comum no desenvolvimento infantil, mas veja alguns sinais que indicam atenção a essa prática
09/05/2024

Ministra da Saúde visita área onde será o Pequeno Príncipe Norte

Nísia Trindade de Lima destacou a importância do projeto e da instituição para a saúde infantil do país
Ver mais