Por que ter um pediatra de confiança?

Notícias

Por que ter um pediatra de confiança?

No Dia do Pediatra, Hospital Pequeno Príncipe alerta sobre a importância do acompanhamento médico especializado durante a infância e adolescência
27/07/2023
dia do pediatra
A função do pediatra, além de tratar da doença, é principalmente acompanhar o crescimento e o desenvolvimento da criança.

O Hospital Pequeno Príncipe aproveita o Dia do Pediatra para alertar sobre a importância da realização das consultas de rotina com esses especialistas para garantir um desenvolvimento saudável a crianças e adolescentes. No Brasil, o número de consultas de puericultura realizadas está abaixo das recomendações mínimas do Ministério da Saúde e da Organização Mundial da Saúde (OMS), de acordo com a Sociedade Brasileira de Pediatria.

Sem adesão à regularidade das visitas aos consultórios pediátricos, a tendência é de substituição pelo atendimento hospitalar de emergência, o que pode trazer riscos para a saúde infantil. Uma pesquisa realizada nos Estados Unidos apontou que crianças que não fazem acompanhamento regular com pediatra até os 3 anos de idade correm duas vezes mais riscos de serem hospitalizadas. Nos casos de doenças crônicas, como asma e problemas do coração, o risco duplica.

“Por falta de conhecimento ou tempo dos pais, muitas crianças só vão à consulta médica quando surge algum sintoma de doença. Mas o principal risco de não manter a regularidade é fazer um diagnóstico tardio de uma doença em que o diagnóstico precoce poderia salvar a vida da criança”, ressalta o vice-diretor de Assistência e Ensino do Hospital Pequeno Príncipe, Victor Horácio de Souza Costa Júnior. Isso acontece porque, por mais que o atendimento hospitalar de emergência seja realizado adequadamente, seu objetivo é imediato e, na grande maioria das vezes, feito por profissionais que não conhecem o histórico do paciente.

As consultas periódicas ao pediatra oferecem mais oportunidades de fazer intervenções preventivas e de detectar problemas precocemente. A função do pediatra, além de tratar da doença, é principalmente acompanhar o crescimento e o desenvolvimento da criança. Por isso, as consultas, em geral, são mais demoradas e servem para os pais tirarem dúvidas, trocarem informações e receberem orientações sobre alimentação, sono, vacinas, prevenção de doenças e de acidentes, bem como educação dos filhos.

Quantas visitas ao pediatra são necessárias?

Idade da criança Quantidade de consultas
5, 15 e 30 dias 3 vezes por mês
2 aos 6 meses 1 vez por mês
A partir dos 7 meses 1 vez a cada 2 meses
A partir dos 2 anos 1 vez a cada 3 meses
A partir dos 6 anos 1 vez por semestre
Dos 7 aos 18/19 anos 1 vez por ano

Fonte: Sociedade Brasileira de Pediatria

O Pequeno Príncipe é signatário do Pacto Global desde 2019. A iniciativa presente nesse conteúdo contribui para o alcance do Objetivo de Desenvolvimento Sustentável (ODS): Saúde e Bem-Estar (ODS 3).

Acompanhe os conteúdos também nas redes sociais do Pequeno Príncipe e fique por dentro de informações de qualidade – FacebookInstagramTwitterLinkedIn e YouTube.

+ Notícias

12/06/2024

Cardiopatias congênitas: diagnóstico precoce evita complicações graves

Neste Dia Nacional de Conscientização da Cardiopatia Congênita, o alerta é para os exames disponíveis para diagnóstico e à importância do tratamento adequado para cada caso
11/06/2024

Gala Pequeno Príncipe 2024 será realizado em São Paulo

Jantar com a participação das madrinhas marcou o lançamento do evento, programado para o dia 30 de setembro
10/06/2024

Semana da Coluna tem mutirão com cirurgias de alta complexidade

Oito crianças passarão por procedimentos no Hospital, que é referência nacional em ortopedia pediátrica
06/06/2024

16.ª Noite dos Chefs une gastronomia e solidariedade

O evento tradicional une gastronomia e solidariedade com o objetivo de arrecadar recursos
05/06/2024

Como trabalhar a educação ambiental desde a infância?

Neste Dia Mundial do Meio Ambiente, o Hospital Pequeno Príncipe dá dicas sobre como falar a respeito da conservação do planeta com as crianças
04/06/2024

Doenças que mais acometem as crianças devido às enchentes

Além da destruição, as inundações no Rio Grande do Sul também preocupam pelo grande aumento de doenças infectocontagiosas e de pele
Ver mais