Complexo, Doe, Faculdades, Gols Pela Vida, Hospital, Instituto de Pesquisa

Pequeno Príncipe promove lançamento especial da campanha publicitária em alusão ao seu centenário

O evento, realizado no Cine Passeio, mais novo espaço cultural da capital paranaense, reuniu autoridades, profissionais de saúde da instituição, pacientes e apoiadores

Uma noite especial para celebrar o início oficial das comemorações dos 100 anos do maior Hospital pediátrico do Brasil. Assim foi o lançamento da campanha publicitária do Pequeno Príncipe, que reuniu autoridades, apoiadores e profissionais de saúde da instituição no Cine Passeio, mais novo espaço cultural da capital paranaense, na noite dessa segunda-feira, dia 19 de agosto.

A exibição do filme em alusão à data emocionou o público.

Os convidados conferiram com exclusividade o filme criado especialmente para celebrar o centenário. A produção se passa na década de 1970 e conta a história de duas irmãs, que moram fora de Curitiba e acabam vindo para a cidade para que uma delas seja atendida pelo Hospital Pequeno Príncipe.

Além do vídeo, toda a campanha, que inclui ainda outras peças publicitárias, foi desenvolvida em parceria com a agência OpusMúltipla, a produtora Deiró Moving Ideas, a Lumen Design e o estúdio Ernst Photography.

“Nesses 100 anos, se a gente continua é porque vocês estão com a gente. Juntos a gente vai fazer mais. Deixamos um enorme agradecimento a todos os parceiros e colaboradores. Queremos honrar nosso passado, celebrar nosso presente e contar com vocês para que o futuro seja construído a muitas mãos, com muitas vidas e histórias de sucesso”, declarou a diretora executiva do Hospital Pequeno Príncipe, Ety Cristina Forte Carneiro.

O diretor corporativo do Complexo Pequeno Príncipe, José Álvaro da Silva Carneiro, lembrou que, revisitando seu passado, a instituição também está muito focada no futuro. “Seja no Hospital, na Faculdades, no Instituto de Pesquisa, esperamos contar sempre com a energia de vocês, que nos anima a continuar trabalhando forte para construir um futuro ainda mais bacana do que este que estamos comemorando”, explicou.

O evento lotou o Cine Passeio.

Parceiros

O presidente da OpusMúltipla, Rodrigo Havro Rodrigues, comentou sobre a expectativa em relação ao vídeo. “Desejamos que todos sintam a mesma emoção que a gente sentiu quando começou a desenhar a proposta e também abracem a causa do Hospital”, disse.

Parceiros do Pequeno Príncipe na Campanha de 100 anos com a diretoria da instituição.

Para o diretor da Deiró Moving Ideas, Carlos Deiró, que produziu o filme, o lançamento foi um momento de coroação de uma parceria de décadas. “Eu tenho muito respeito pelo trabalho do Pequeno Príncipe. A única palavra que eu tenho para definir o Pequeno Príncipe é amor. Amor ao ser humano, principalmente, aos pequenininhos”, considerou.

Parceiros de longa data do Hospital Pequeno Príncipe, os sócios da Lumen Design, Guido Laufert Dezordi e Karine Kawamura, afirmaram que o processo de criação da identidade visual e logomarca dos 100 anos veio naturalmente. “Quando falamos do Hospital, falamos de saúde e não de doença. E o trabalho é intenso e muda a vida de famílias”, avaliou Karine.

Os convidados, entre eles o médico Lauro Alcântara e a esposa, conheceram a campanha dos 100 anos do Pequeno Príncipe.

Daniel Ernst, do estúdio Ernst Photography, recorreu a uma história pessoal para expressar a inspiração do trabalho desenvolvido em parceria com o Hospital. “Para nós foi uma grande honra participar dessa campanha pela importância do Pequeno Príncipe e por tantas vidas que eles salvaram ao longo desses 100 anos, incluindo o tratamento da minha sobrinha que foi curada no Pequeno Príncipe”, contou.

Vivendo para quem tem muito o que viver

A história do Pequeno Príncipe se mistura à história de milhares de vidas. Em um século de atendimento às crianças, muitas foram as vidas transformadas. Pessoas que inspiram o Pequeno Príncipe a fazer sempre mais e melhor. Simbolicamente, algumas histórias foram escolhidas para ilustrar a campanha do centenário. Entre elas, a da designer Gabriela Medeiros, e a do analista de BI, José Lucas Oliveira.

José Lucas Oliveira, ex-paciente: “a palavra que define o hospital é esperança”.

“O Pequeno Príncipe salvou a minha vida. A palavra que melhor define o hospital para mim é esperança”, compartilhou José Lucas, de 26 anos, que deixou o Rio de Janeiro em 2004 em busca de tratamento no Pequeno Príncipe. “Lá, não tinha um hospital com todas as especialidades para cuidar de mim”, completou.

A história de Gabriela com o Pequeno Príncipe começou antes mesmo de ela nascer. O irmão mais velho tratava câncer na instituição,  como a quimioterapia não estava fazendo efeito um transplante de medula óssea era melhor opção. “Meus pais resolveram ter mais um filho e eu nasci. Mas meu irmão se curou e, mesmo assim, eles congelaram as células tronco do meu cordão umbilical. Com dois anos eu estava com câncer e fui primeiro caso de autotransplante do mundo. Durante muito tempo, o Hospital foi minha segunda casa. E continua sendo até hoje. Fazer parte do 100 anos do Hospital é muito importante para mim e para minha família”, contou emocionada.

Gabriela compartilhou sua história de superação do câncer.

O vice-prefeito de Curitiba, Eduardo Pimentel Slavieiro, ressaltou a importância da instituição. “Como não se emocionar com os depoimentos do José Lucas e da Gabriela? E como não querer ajudar um Hospital dessa grandeza? É um orgulho para Curitiba ter uma instituição que é referência nacional no atendimento pediátrico. Desde o atendimento mais simples – que eu quando criança utilizei muito e que até hoje meus três filhos utilizam – até o mais prioritário. Trago um abraço do prefeito e o nosso reconhecimento, em nome da cidade de Curitiba, a todos os mantenedores do Hospital, que recebe não só curitibanos, mas muitos paranaenses e brasileiros. Tenho certeza de que a campanha desenvolvida pela Opus e pela Deiró e por todos os parceiros será impactante”.

 

  • José Lucas Oliveira, ex-paciente: “a palavra que define o hospital é esperança”.

  • Gabriela compartilhou sua história de superação do câncer.

+ Notícias

Faça sua doação