Pequeno Príncipe participa de campanha para coleta e reciclagem de celular - Hospital Pequeno Príncipe

Notícias

    Pequeno Príncipe participa de campanha para coleta e reciclagem de celular

    Ação em conjunto com a União dos Escoteiros do Brasil e a empresa Reciclecel estimula a doação de aparelhos sem uso e a preservação ambiental
    30/05/2014

    folder reciclagemA União dos Escoteiros do Brasil e a Reciclecel fizeram uma parceria que resultou na campanha “Doe seu celular”, que prevê a coleta e reciclagem de aparelhos antigos e sem uso. O foco principal é a conscientização ambiental, mas a ação também tem a ver com saúde. Parte dos recursos obtidos com a venda e destinação correta dos celulares beneficiará o Complexo Pequeno Príncipe, do qual fazem parte o Hospital Pequeno Príncipe, o Instituto de Pesquisa Pelé Pequeno Príncipe e a Faculdades Pequeno Príncipe.

    De acordo com a Reciclecel, que compra aparelhos eletrônicos usados, estima-se que existam nas casas brasileiras mais de 150 milhões de celulares parados e apenas 2% costumam ser reciclados. Por isso, a necessidade de atuar na conscientização das pessoas sobre a importância de dar um destino correto para celulares que estão nas gavetas.

    A primeira etapa da campanha seguirá até fim de 2014. A ação é nacional e está sendo divulgada em redes sociais, no site da União dos Escoteiros do Brasil e no da Reciclecel. Há grupos escoteiros fazendo coletas em Curitiba, Londrina, Brasília, Florianópolis, Belo Horizonte, São Paulo, João Pessoa, Rio de Janeiro, Campinas, Uberlândia, Manaus, Belém, Campo Grande, Vitória e outros municípios.

    Cada grupo escoteiro recebeu materiais (urnas, panfletos e cartazes) para divulgar a campanha. Os escoteiros vão negociar pontos de coletas fixos nas suas comunidades e há urnas portáteis para o depósito dos aparelhos. No Pequeno Príncipe haverá duas urnas no Hospital e uma na Faculdades. A “Doe seu celular” é a primeira parceria da Reciclecel com o Complexo. Há outros dois importantes pontos de doação em Curitiba: o Santuário Perpétuo Socorro (Praça Portugal) e o Santuário Nossa Senhora do Carmo (Marechal Floriano Peixoto).

    A meta é que cada escoteiro no Brasil recolha 10 celulares por mês, ou ao menos 70 celulares até o fim do ano. Cada celular arrecadado valerá um ponto (de acordo com a política de premiação da campanha) e poderá ser trocado pelos escoteiros por prêmios como barracas, fogareiros e outros itens.

    Para mais informações, acesse www.doeseucelular.com.br.

    + Notícias

    08/02/2023

    Gravidez na adolescência: a prevenção começa com educação e diálogo

    Um ambiente acolhedor e de confiança é fundamental para o desenvolvimento saudável de meninos e meninas  
    07/02/2023

    Nota de pesar pelo falecimento do pediatra Danilo Cerqueira Leite Junior

    O médico, com mais de 50 de formação, atuou no Pequeno Príncipe e contribuiu com cuidados a milhares de crianças e adolescentes que passaram pelo Hospital nas últimas décadas
    06/02/2023

    ALTA COMPLEXIDADE | Serviço de Cirurgia Vascular

    O Hospital Pequeno Príncipe tem equipe especializada no tratamento de doenças do sistema circulatório em crianças e adolescentes
    03/02/2023

    Gravidez na adolescência: quais são os riscos?

    A gestação nessa fase, que compreende dos 10 aos 19 anos, gera uma série de consequências para a vida da mãe e do bebê
    01/02/2023

    Volta às aulas e a imunização de crianças e adolescentes

    As medidas de higiene das mãos, etiqueta ao tossir e uso de máscara também auxiliam a evitar a disseminação de doenças
    27/01/2023

    Hanseníase: atenção aos sinais e sintomas auxilia diagnóstico

    Neste Dia Mundial de Combate à Hanseníase, o Hospital Pequeno Príncipe reforça a importância de se buscar os serviços de saúde logo no aparecimento dos primeiros sinais e lembra que a doença tem cura
    Ver mais