Pacientes do Pequeno Príncipe unem arte e respeito à natureza em oficina de pintura botânica - Hospital Pequeno Príncipe

Notícias

Pacientes do Pequeno Príncipe unem arte e respeito à natureza em oficina de pintura botânica

A ação faz parte do projeto “No Reino de Araucarilândia”, livro infantil de colorir de José Álvaro da Silva Carneiro, que terá eventos especiais de lançamento em Curitiba, Maringá e Ponta Grossa
29/09/2016

 

dsc_0078
As oficinas unem arte e respeito à natureza.

Até novembro, as crianças e adolescentes em tratamento no Hospital Pequeno Príncipe terão a oportunidade de desenvolver habilidades com pintura e desenho, além de conhecerem as riquezas e a necessidade de preservação de um importante ecossistema da Mata Atlântica: a Floresta Ombrófila Mista, também chamada de Floresta com Araucária.

Nas oficinas de pintura botânica, realizadas nos quartos, ambulatórios e no setor de Educação e Cultura da instituição, os pacientes unem arte e respeito à natureza. “É um brincar de fazer. O importante é aguçar o olhar deles. Cada encontro é uma renovação”, avaliou Yvelise Vallim, responsável pela ação.

As atividades fazem parte do projeto “No Reino de Araucarilândia”, livro infantil de colorir de José Álvaro da Silva Carneiro. O autor, que é diretor corporativo do Complexo Pequeno Príncipe e ambientalista, diz que é um privilégio aproximar os jovens leitores do rico universo da Mata Atlântica. “Os personagens que fazem parte do livro, o Menino Vespa e a Fada das Araucárias, são uma singela homenagem a dois grandes e saudosos amigos: Roberto Ribas Lange e Teresa Urban, o que torna a publicação deste livro ainda mais especial”, falou.

Toda a renda obtida com a venda do livro infantil “No Reino de Araucarilândia” será destinada ao Hospital Pequeno Príncipe. A obra terá eventos especiais de lançamento em Curitiba (dia 1.º/10, às 18h, na Livrarias Curitiba do Shopping Curitiba); Maringá (dia 8/10, às 18h, na Livrarias Curitiba do Maringá Park Shopping Center); e Ponta Grossa (dia 15/10, às 18h, na Livrarias Curitiba do Shopping Palladium).

Nos eventos de lançamento, a publicação será comercializada a R$ 10. A publicação também estará disponível na loja de produtos sociais do Hospital Pequeno Príncipe ao custo de R$ 20. Informações: (41) 3310-1415 e www.lojapequenoprincipe.org.br.

dsc_0174
Um mundo de descobertas
“Eu nunca tinha pintado com aquarela. Deu vontade de ser artista! Eu sinto vontade de pintar porque gosto de copiar o que vem na minha cabeça. Normalmente eu desenho animais, mas a experiência com as plantas está sendo bem legal.” Sara Rodrigues da Silva, 9 anos.

dsc_0118
“As oficinas levam as crianças para fora do ‘mundo’ ou do ambiente hospitalar por algumas horas. É literalmente uma viagem.” Simoni Leme, mãe do paciente Henrique Leme.

 

+ Notícias

30/09/2022

Setembro Amarelo: é preciso falar sobre tentativa de suicídio na infância e adolescência

O Hospital Pequeno Príncipe, referência em atendimentos pediátricos, registrou um aumento de 95% dos casos do primeiro semestre de 2021 para 2022
29/09/2022

Coração dá sinais de que precisa de cuidado

Neste Dia Mundial do Coração, o Hospital Pequeno Príncipe alerta quando é necessário buscar um pediatra
27/09/2022

Doação de órgãos e tecidos: uma decisão que transforma vidas

O Hospital Pequeno Príncipe, que até agosto de 2022 realizou 183 transplantes de órgãos, reforça a importância do diálogo sobre o tema
26/09/2022

Voluntários celebram o brincar em retorno ao Pequeno Príncipe

Neste ano, o Dia do Voluntário Paranaense é cercado de ainda mais emoção, devido à retomada das atividades presenciais
23/09/2022

Setembro Amarelo: saiba como agir caso alguém busque apoio

Ser empático com os sentimentos da criança e do adolescente é muito importante, além de necessário encorajar a buscar um profissional especializado em saúde mental
22/09/2022

Acompanhamento médico é fundamental para saúde de adolescentes e jovens

De acordo com especialista, a assistência é importante nessa fase, pois facilita o acesso a informações corretas, incluindo a vacinação
Ver mais