Pacientes conhecem craques dos seus clubes do coração - Hospital Pequeno Príncipe

Notícias

Pacientes conhecem craques dos seus clubes do coração

Tcheco, Coritiba, e Ricardinho, ex-Corinthians, visitaram nesta semana adolescentes em tratamento no Pequeno Príncipe
12/02/2014

Visita_Tcheco_12_02_14 (2)Pacientes em tratamento no Hospital Pequeno Príncipe e que são apaixonados por futebol viveram momentos muito especiais nesta semana. Eles foram surpreendidos pela visita de craques que atuaram e tiveram muito destaque em seus clubes do coração. O gerente de futebol do Coritiba, Tcheco, e o técnico Ricardinho estiveram na instituição e fizeram a alegria dos adolescentes. Os eternos craques apoiam o Programa Gols pela Vida, do qual são embaixadores.

Tcheco visitou, nesta quarta-feira, dia 12, Ney Carlos Nardino Filho, de 13 anos, que está internado na UTI Cirúrgica. Há algum tempo, Ney havia escrito uma carta, na qual expressou o desejo de ganhar uma camisa do clube alviverde. Ele ganhou mais: recebeu o presente autografado diretamente das mãos do ex-jogador.

“Fiquei feliz. Já fui ao estádio com meu padrinho e gostei de conhecer o Tcheco”, disse Ney, que anteriormente conheceu o goleiro do Palmeiras, Fernando Prass, durante visita do craque ao Pequeno Príncipe. Antes de deixar a UTI, o gerente de futebol do Coxa fez um convite: voltar ao estádio Couto Pereira assim que o garoto estiver recuperado e entrar, antes de um jogo, no campo com Alex, de quem o garoto é fã.

Alegria de uma corinthiana
Um dia antes, quem esteve no Pequeno Príncipe foi Ricardinho, que atualmente é técnico de futebol, mas anteriormente se destacou em diversos clubes, dentre eles o Corinthians, e foi campeão mundial pela Seleção Brasileira em 2002. Durante a passagem pelo Hospital, ele conheceu a paciente Fabiele Vitória Fortes, de 12 anos, registrou o momento em fotos e deu um autógrafo e uma dedicatória a ela. A menina, que torce pelo Timão, ficou muito feliz. Inclusive, fez um pedido ao ex-jogador: para que entregue uma carta a Ronaldo, seu ídolo e a quem gostaria de conhecer pessoalmente. “Como uma boa corinthiana, adoro você desde que nasci”, escreveu Fabiele na carta.

+ Notícias

30/09/2022

Setembro Amarelo: é preciso falar sobre tentativa de suicídio na infância e adolescência

O Hospital Pequeno Príncipe, referência em atendimentos pediátricos, registrou um aumento de 95% dos casos do primeiro semestre de 2021 para 2022
29/09/2022

Coração dá sinais de que precisa de cuidado

Neste Dia Mundial do Coração, o Hospital Pequeno Príncipe alerta quando é necessário buscar um pediatra
27/09/2022

Doação de órgãos e tecidos: uma decisão que transforma vidas

O Hospital Pequeno Príncipe, que até agosto de 2022 realizou 183 transplantes de órgãos, reforça a importância do diálogo sobre o tema
26/09/2022

Voluntários celebram o brincar em retorno ao Pequeno Príncipe

Neste ano, o Dia do Voluntário Paranaense é cercado de ainda mais emoção, devido à retomada das atividades presenciais
23/09/2022

Setembro Amarelo: saiba como agir caso alguém busque apoio

Ser empático com os sentimentos da criança e do adolescente é muito importante, além de necessário encorajar a buscar um profissional especializado em saúde mental
22/09/2022

Acompanhamento médico é fundamental para saúde de adolescentes e jovens

De acordo com especialista, a assistência é importante nessa fase, pois facilita o acesso a informações corretas, incluindo a vacinação
Ver mais