Os 14 anos do Instituto de Pesquisa Pelé Pequeno Príncipe - Hospital Pequeno Príncipe

Notícias

Os 14 anos do Instituto de Pesquisa Pelé Pequeno Príncipe

Fundamental no combate à mortalidade infantojuvenil, a unidade de pesquisa do Complexo Pequeno Príncipe também desempenha papel preponderante nos estudos em torno do novo coronavírus
24/04/2020
O combate à mortalidade infantojuvenil é um dos objetivos do Instituto de Pesquisa Pelé Pequeno Príncipe.

Os estudos científicos são fundamentais para a busca de soluções e alternativas para os tratamentos e procedimentos já adotados na área de Medicina. Por conta disso, há 14 anos está em atividade o Instituto de Pesquisa Pelé Pequeno Príncipe, comprometido com a causa da saúde de crianças e adolescentes.

Neste dia 26 de abril, o Instituto de Pesquisa Pelé Pequeno Príncipe completa 14 anos em atividade e 15 de fundação. Nesse período, já tem em sua trajetória inúmeros estudos que contribuem para assegurar, além do diagnóstico precoce, métodos de tratamento mais assertivos e a diminuição da mortalidade infantojuvenil. Há, inclusive, um importante trabalho voltado à questão do novo coronavírus.

Parte da equipe de pesquisadores da instituição.

Uma equipe do Instituto de Pesquisa Pelé Pequeno Príncipe faz parte do“COVID Human Genetic Effort”. A iniciativa é um esforço mundial de pesquisadores que buscam compreender, a partir da análise genética, por que algumas pessoas desenvolvem formas graves de COVID-19 mesmo sem ser do grupo de risco. “É um projeto de colaboração liderado pelos pesquisadores Jean-Laurent Casanova e Helen Sue, que reúne imunologistas do mundo inteiro. Queremos entender como e por que algumas pessoas são mais suscetíveis do que outras para desenvolver a forma grave da doença, pois estamos vendo cada vez mais óbitos de pessoas jovens e aparentemente saudáveis”, explica a coordenadora e pesquisadora do projeto na instituição, Carolina Prando. que também atua como médica infectologista no Hospital Pequeno Príncipe.

Aliar assistência em saúde, ensino e pesquisa faz parte do DNA do Pequeno Príncipe. “Nosso compromisso é colocar os avanços tecnológicos a serviço da vida e da qualidade de vida de nossas crianças e adolescentes. Fazer pesquisa é um desafio no Brasil, mas o Pequeno Príncipe, pioneiramente, tem mostrado resultados que comprovam que investir em estudos científicos voltados à saúde infantojuvenil transforma e salva vidas”, ressalta a diretora-geral do Instituto de Pesquisa Pelé Pequeno Príncipe, Ety Cristina Forte Carneiro.

Em 2019, a unidade do Complexo Pequeno Príncipe foi responsável por 102 projetos de pesquisa.

O Instituto de Pesquisa Pelé Pequeno Príncipe em números *

16 pesquisadores principais

102 projetos de pesquisa

7 linhas de pesquisa

51 publicações científicas

* Dados referentes a 2019

+ Notícias

02/12/2022

Mitos e verdades sobre convulsões

Distúrbio que provoca grande apreensão nos pais, as convulsões precisam de acompanhamento médico
29/11/2022

Dia de Doar: renúncia fiscal tem potencial de arrecadar até R$ 8 bilhões

Data criada há 20 anos nos Estados Unidos pretende fortalecer cultura de doações no Brasil. Doações via Imposto de Renda podem ser feitas até dia 29 de dezembro
25/11/2022

Hemodinâmica: cateterismo evita cirurgias de grande porte em neonatos

O serviço do Hospital Pequeno Príncipe é referência nacional em pediatria e, em 2021, realizou 297 cateterismos
24/11/2022

Pequeno Príncipe vence o Prêmio Líderes Regionais Paraná 2022

A instituição foi premiada na categoria ESG – Responsabilidade Social. O reconhecimento destaca empresas, organizações e empresários que contribuíram para o desenvolvimento do estado
23/11/2022

Câncer pediátrico: diagnóstico precoce pode salvar até 84% dos pacientes

Referência nacional no tratamento de doenças onco-hematológicas há meio século, Hospital Pequeno Príncipe alerta sobre sintomas
21/11/2022

Pequeno Príncipe atua na prevenção da resistência aos antimicrobianos

A Organização Mundial da Saúde (OMS) estima que 1,3 milhão de pessoas morram a cada ano devido aos efeitos dessa resistência  
Ver mais