Operação para dias de jogos funciona e Pequeno Príncipe atende normalmente - Hospital Pequeno Príncipe

Notícias

Operação para dias de jogos funciona e Pequeno Príncipe atende normalmente

Partida entre Irã e Nigéria, que marca a estreia de Curitiba e da Arena da Baixada na Copa, alterou vias de acesso ao Hospital, mas pacientes não tiveram dificuldades para conseguir atendimento
16/06/2014

O primeiro dia de jogo da Copa do Mundo em Curitiba serviu como um teste para o planejamento feito com antecedência para garantir o acesso de pacientes ao Hospital Pequeno Príncipe, que fica a poucas quadras da Arena da Baixada, local da partida entre Irã e Nigéria na tarde desta segunda-feira, dia 16. Como estava previsto, o trânsito de veículos e o acesso pela Rua Desembargador Motta foi fechado, mas os pacientes e seus responsáveis não tiveram dificuldades para conseguir atendimento.

Todas as pessoas que trabalham no Hospital foram cadastradas e receberam crachás de identificação que garantem o acesso ao local de trabalho. Os turnos de médicos e enfermeiros foram mantidos. Com isso, na ala de emergência de pacientes que possuem convênios de saúde, a espera era de 27 minutos para atendimento pouco antes do início do jogo. Na Emergência SUS (Sistema Único de Saúde), a espera chegava a 1 hora e meia, tempo médio.

Uma barreira com policiais e membros da equipe de segurança do Pequeno Príncipe foi formada nas esquinas da Desembargador Motta com a Avenida Silva Jardim e com a Brigadeiro Franco para ajudar no trabalho de identificação de torcedores e pacientes. Pelo local, muita gente animada, com bandeiras e camisetas coloridas, seguiu para o estádio. Mas o funcionamento do Hospital foi normal, sem registro de incidentes.

O esquema de segurança exigido pela Fifa, organizadora da Copa, será mantido nos próximos dias de jogos. Para facilitar a entrada ao Pequeno Príncipe, é recomendado que pacientes e responsáveis não carreguem bolsas (elas são revistadas pelos policiais).

+ Notícias

30/09/2022

Setembro Amarelo: é preciso falar sobre tentativa de suicídio na infância e adolescência

O Hospital Pequeno Príncipe, referência em atendimentos pediátricos, registrou um aumento de 95% dos casos do primeiro semestre de 2021 para 2022
29/09/2022

Coração dá sinais de que precisa de cuidado

Neste Dia Mundial do Coração, o Hospital Pequeno Príncipe alerta quando é necessário buscar um pediatra
27/09/2022

Doação de órgãos e tecidos: uma decisão que transforma vidas

O Hospital Pequeno Príncipe, que até agosto de 2022 realizou 183 transplantes de órgãos, reforça a importância do diálogo sobre o tema
26/09/2022

Voluntários celebram o brincar em retorno ao Pequeno Príncipe

Neste ano, o Dia do Voluntário Paranaense é cercado de ainda mais emoção, devido à retomada das atividades presenciais
23/09/2022

Setembro Amarelo: saiba como agir caso alguém busque apoio

Ser empático com os sentimentos da criança e do adolescente é muito importante, além de necessário encorajar a buscar um profissional especializado em saúde mental
22/09/2022

Acompanhamento médico é fundamental para saúde de adolescentes e jovens

De acordo com especialista, a assistência é importante nessa fase, pois facilita o acesso a informações corretas, incluindo a vacinação
Ver mais