A obra de Ziraldo estimula a criatividade das crianças e adolescentes do Hospital Pequeno Príncipe - Hospital Pequeno Príncipe

Notícias

A obra de Ziraldo estimula a criatividade das crianças e adolescentes do Hospital Pequeno Príncipe

Projeto inspirado no livro "O Menino Quadradinho" traz histórias divertidas, música e teatro para os pacientes, familiares e colaboradores da instituição
06/03/2018
A artista Rosy Greca comanda o projeto. Foto: Aleksander Schoeffel

Desde o início de fevereiro, teatro, música e artes visuais encantam os pacientes e familiares nos ambulatórios, corredores, quartos e no Setor de Educação e Cultura (EDUC) do Hospital Pequeno Príncipe. Por seis meses, o projeto “O Menino Quadradinho e o Tempo das Palavras” vai promover 96 oficinas, além de quatro apresentações de um espetáculo musical no Teatro Bom Jesus, em setembro.

Semanalmente, as atividades realizadas são diferentes e têm a intenção de instigar a imaginação dos participantes e estimular a criatividade. O projeto é baseado na obra “O Menino Quadradinho”, de Ziraldo.

Em uma das ações, as crianças e adolescentes criaram suas próprias histórias em quadrinhos com onomatopeias e figuras, desenharam e pintaram figuras inspiradas na história “Flicts”, também de Ziraldo, e até tiveram contato com diferentes instrumentos musicais. “É a minha primeira vez realizando uma peça dentro de um hospital e a experiência está sendo engrandecedora. Uso o teatro para abrilhantar a vida das crianças e familiares “, comenta o oficineiro e ator Rafael Wolff.

Sobre a ação – Realizado com recursos captados através da Lei Rouanet, o projeto “O Menino Quadradinho e o Tempo das Palavras” conta com o patrocínio de ExxonMobil, Niponflex, BHS Corrugated, Omni Financeira, Westaflex, Banco UBS, Grupo Lonza e PK Cables.

“A arte tem o poder de cativar as pessoas e humanizar as relações. A partir dela, pode-se levar alegria, beleza e entretenimento para aliviar as dores e dificuldades”, comenta a coordenadora e oficineira do projeto, Rosy Greca,  que reforça o quão gratificante é o envolvimento e curiosidade dos pacientes e familiares. “Aqui é uma escola da vida, solidariedade, amor, troca, aprendizagem e muita emoção. Faz com que questionemos os nossos valores e passemos a valorizar mais a saúde da nossa família”, avalia.

Foto: Aleksander Schoeffel

+ Notícias

23/06/2022

Festas juninas pedem atenção redobrada com a alimentação das crianças

Pequeno Príncipe alerta que o consumo de doces e de comidas típicas pode prejudicar condições de saúde já existentes
21/06/2022

Asma: vacinas atuam na redução de doenças que afetam o sistema respiratório

A doença não possui um imunizante específico, mas existem outras vacinas que auxiliam nas síndromes respiratórias
17/06/2022

Corpus Christi: Pequeno Príncipe recebe bênção do Santíssimo Sacramento

A ação, realizada em carro aberto, fez parte da programação especial organizada pela Arquidiocese de Curitiba
14/06/2022

Doar sangue é um ato de amor ao próximo

Neste Dia Mundial do Doador de Sangue, o Pequeno Príncipe reforça a importância desse ato de solidariedade, que pode salvar até quatro vidas
13/06/2022

Albinismo é distúrbio raro que precisa de cuidado multidisciplinar

A condição é definida pela ausência ou diminuição importante na produção de melanina – pigmento que determina a cor da pele, dos olhos e do cabelo
12/06/2022

Cardiopatias congênitas: diagnóstico precoce é fundamental para tratamento assertivo

O conjunto de doenças pode ser descoberto ainda na gravidez, com o ecocardiograma fetal, ou nos primeiros dias após o nascimento, por meio do teste do coraçãozinho
Ver mais