Obesidade infantil é problema de saúde pública - Hospital Pequeno Príncipe

Notícias

Obesidade infantil é problema de saúde pública

Os altos índices de sobrepeso entre as crianças alertam para o surgimento de problemas no futuro, como as doenças crônicas
09/02/2017

????????????????????????????????????Pelo menos 41 milhões de crianças abaixo de cinco anos estão obesas, de acordo com dados da Organização Mundial de Saúde (OMS). No Brasil, mais de dois milhões de casos são diagnosticados anualmente. A estimativa é que uma a cada três crianças, de cinco a nove anos, está acima do peso.

Os altos índices, referentes ao público infantil, alertam para o impacto futuro da obesidade. “Esse é um problema de saúde pública, que pode ocasionar doenças crônicas como o diabetes e hipertensão”, destaca a endocrinologista do Hospital Pequeno Príncipe, Rosangela Rea. Além disso, é provável que “crianças obesas tornem-se adultos obesos”, relata a médica.

Fatores genéticos, má alimentação e sedentarismo são as principais causas da obesidade infantil. “O maior exemplo de uma criança vem de casa. É importante que os pais ou cuidadores mantenham uma rotina alimentar saudável, de preferência com horários certos para as refeições, e que estejam ao lado dos meninos e meninas enquanto eles comem”, afirma a especialista.

Praticar atividades físicas regularmente também é essencial para combater a obesidade. “Esse equilíbrio é muito importante. Você não precisa deixar de comer tudo o que gosta, mas deve balancear com a realização de exercícios. A partir dos dois anos, as crianças já podem começar a fazer algumas atividades mais leves”, explica a endocrinologista.

Avanços
Nos últimos anos, algumas medidas foram tomadas com o intuito de reduzir o índice de crianças obesas, entre elas a redução de açúcares na alimentação escolar. A proibição da publicidade abusiva, direcionada aos meninos e meninas, – sobretudo de alimentos com alta quantidade de açúcar, sal e gordura – também auxilia no combate à obesidade.

+ Notícias

05/08/2022

Cirurgia de correção de malformação rara é realizada por Pequeno Príncipe

A correção da extrofia de cloaca foi realizada pela técnica de Kelley, considerada inovadora
04/08/2022

Cientistas estão desenvolvendo gel bucal para tratar mucosite

Principal reação adversa da quimioterapia, a mucosite oral causa intensa dor e pode ser porta de entrada para outras infecções
02/08/2022

Doenças raras é tema de mesa-redonda organizada pelo Pequeno Príncipe

A iniciativa fez parte da programação da 74.ª reunião anual da Sociedade Brasileira para o Progresso da Ciência (SBPC)
01/08/2022

Aleitamento materno favorece desenvolvimento da inteligência e estrutura da face

Especialistas do Hospital Pequeno Príncipe explicam ligação entre o neurodesenvolvimento e o crescimento ósseo adequado da face
28/07/2022

Hepatites A e B podem ser prevenidas por meio da vacinação

O Centro de Vacinas Pequeno Príncipe disponibiliza imunizantes contra essas duas formas da doença, que ocorrem de forma endêmica no Brasil
27/07/2022

Único hospital do Brasil com 35 especialidades pediátricas atrai estudantes de todo o país

Com 50 anos de existência, a residência em pediatria do Pequeno Príncipe ajuda a melhorar o déficit de especialistas em diversos estados brasileiros
Ver mais