Novas vagas para residência médica no Pequeno Príncipe. Veja o edital. - Hospital Pequeno Príncipe

Notícias

    Novas vagas para residência médica no Pequeno Príncipe. Veja o edital.

    As especialidades são Psiquiatria da Infância e Adolescência, Medicina Intensiva Pediátrica e Anestesiologia Pediátrica e as incrições acontecem de 10 de janeiro a 10 de fevereiro.
    07/01/2014

    O Hospital Pequeno Príncipe torna pública a abertura de inscrições para a seleção de candidatos para as seguintes vagas: Residência Médica em Psiquiatria da Infância e Adolescência; Área de Atuação em Medicina Intensiva Pediátrica; e Estágio em Especialidades Pediátricas (Anestesiologia).

    PROGRAMA
    *Residência em Psiquiatria da Infância e Adolescência com 2 vagas e duração de 1 ano.
    **Área de Atuação em Medicina Intensiva Pediátrica com 1 vaga e duração de 2 anos.
    **Estágio em Anestesiologia Pediátrica  com 2 vagas e duração de 1 ano.
    * Pré-requisito: 3 anos de Residência Médica em Psiquiatria reconhecida pela CNRM. ** Pré-requisito: 2 anos de Residência Médica em Pediatria reconhecida pela CNRM. *** Pré-requisito: 3 anos de Residência Médica em Anestesiologia reconhecida pela CNRM.
    As inscrições podem ser feitas na Coordenação de Ensino e Pesquisa do Hospital Pequeno Príncipe (COREME) – 6º andar, das 8h30 às 17h, de 10/01 a 10/02/2014. A taxa de inscrição é R$ 300,00 (trezentos reais).
    O pagamento deverá ser feito no ato da inscrição, bem como a entrega do currículo. Para as inscrições em Psiquiatria da Infância e Adolescência será necessária também uma carta de apresentação de um serviço de Psiquiatria. As provas serão realizadas no dia 11/02/2014, às 8h, no Hospital Pequeno Príncipe – Auditório 01 do 6º andar.
    – O critério de seleção para Residência Médica em Psiquiatria da Infância e Adolescência será: 1ª fase – teórica* (peso 9), entrevista e análise de currículo (peso 1). A prova teórica terá 25 questões referentes à Psiquiatria.
    – O critério de seleção para a Área de Atuação em Medicina Intensiva Pediátrica será: 1ª fase – teórica* (peso 5), 2ª fase – prova prática (peso 4), entrevista e análise de currículo (peso 1). A prova teórica terá 25 questões referentes à Pediatria.
    – O critério de seleção para Estágio em Anestesiologia Pediátrica será: 1ª fase – teórica* (peso 5), 2ª fase – prova prática (peso 4), entrevista e análise de currículo (peso 1). A prova teórica terá 25 questões de Anestesiologia.
    * Observação: a 1ª fase, 2ª fase e entrevistas serão realizadas no mesmo dia (11/02/2014). A prova prática será com o conteúdo da especialidade escolhida.

    O resultado final será divulgado no dia 11/02/2014, às 16h, em edital na COREME.
    Informações pelo telefone (41) 3310-1202.

    + Notícias

    29/11/2022

    Dia de Doar: renúncia fiscal tem potencial de arrecadar até R$ 8 bilhões

    Data criada há 20 anos nos Estados Unidos pretende fortalecer cultura de doações no Brasil. Doações via Imposto de Renda podem ser feitas até dia 29 de dezembro
    25/11/2022

    Hemodinâmica: cateterismo evita cirurgias de grande porte em neonatos

    O serviço do Hospital Pequeno Príncipe é referência nacional em pediatria e, em 2021, realizou 297 cateterismos
    24/11/2022

    Pequeno Príncipe vence o Prêmio Líderes Regionais Paraná 2022

    A instituição foi premiada na categoria ESG – Responsabilidade Social. O reconhecimento destaca empresas, organizações e empresários que contribuíram para o desenvolvimento do estado
    23/11/2022

    Câncer pediátrico: diagnóstico precoce pode salvar até 84% dos pacientes

    Referência nacional no tratamento de doenças onco-hematológicas há meio século, Hospital Pequeno Príncipe alerta sobre sintomas
    21/11/2022

    Pequeno Príncipe atua na prevenção da resistência aos antimicrobianos

    A Organização Mundial da Saúde (OMS) estima que 1,3 milhão de pessoas morram a cada ano devido aos efeitos dessa resistência  
    20/11/2022

    Dia Mundial da Criança chama atenção à defesa de direitos

    Em sua trajetória centenária, o Hospital Pequeno Príncipe desenvolve uma série de iniciativas em favor da proteção integral de meninos e meninas  
    Ver mais