Médicos do Pequeno Príncipe participam de encontro inovador na área da saúde - Hospital Pequeno Príncipe

Notícias

Médicos do Pequeno Príncipe participam de encontro inovador na área da saúde

Hospital promove evento para conhecimento e engajamento com o Projeto ECHO – ação de telementoria com iniciativas em nível mundial, visando a promoção da saúde de crianças e adolescentes, e com foco na descentralização do conhecimento
16/12/2020

A inovação marca o início de mais um século de atividades do Hospital Pequeno Príncipe. A instituição – buscando apoio na tecnologia para aprimorar os trabalhos na área de assistência – promoveu, no dia 10 de dezembro, um evento de reconhecimento e engajamento para a metodologia de Telementoria ECHO.

Nesse primeiro momento, o encontro tinha o objetivo de apresentar a metodologia aos profissionais para – futuramente – assegurar sua implantação. A iniciativa pode vir a colocar o Pequeno Príncipe em posição de destaque e pioneirismo na área da saúde, promovendo ações de capacitação em doenças da infância e adolescência, com focos em diagnóstico e tratamento, bem como na descentralização do conhecimento. “É importante para o Hospital Pequeno Príncipe integrar o projeto ECHO (programa de telementoria), cuja metodologia tem respaldo mundial, com programas bem-sucedidos de descentralização de conhecimento e assistência. Como centro terciário, com grande disponibilidade de especialistas, podemos multiplicar a abrangência e impacto das nossas ações ao disseminar nosso conhecimento a centros de saúde periféricos, tornando-os cientes das doenças agudas e crônicas mais prevalentes da infância”, explicou a médica Rafaela Wagner.


O médico Sérgio Candido Kowalski, coordenador nacional do Projeto ECHO, que também é professor adjunto de Reumatologia da Universidade Federal do Paraná (UFPR), foi um dos convidados do evento.

O evento, totalmente on-line, foi direcionado a médicos das diversas especialidades pediátricas da instituição. Rafaela Wagner lembra que o método de telementoria significa ampliar o acesso da população ao conhecimento e à experiência de médicos especialistas, por meio dos profissionais de saúde das suas áreas designadas. Em outras palavras, descentralizando e democratizando o cuidado. “Partilhando conhecimento sem restrições e experiências entre as equipes de saúde em prol do benefício e melhor tratamento dos pacientes onde quer que estejam. Basicamente, os médicos não especialistas aprendem como os especialistas conduzem os seus casos nas suas práticas, tudo baseado em evidência científica”, reiterou a coordenadora do setor de Telessaúde.

Além do corpo clínico do Pequeno Príncipe, a ação contou com convidados especiais. O médico Sérgio Candido Kowalski, coordenador nacional do Projeto ECHO, que também é professor adjunto de Reumatologia da Universidade Federal do Paraná (UFPR), e a médica Andrea Furlan (University of Toronto), que coordena o Projeto ECHO em Ontário, no Canadá.

O encontro teve a participação da médica Andrea Furlan (University of Toronto), que coordena o Projeto ECHO em Ontário, no Canadá.

+ Notícias

08/08/2022

Colesterol pode ser prevenido com consumo de alimentos saudáveis

O Hospital Pequeno Príncipe ressalta a importância da adoção de bons hábitos para melhor qualidade de vida desde a infância
05/08/2022

Cirurgia de correção de malformação rara é realizada no Pequeno Príncipe

A reparação da extrofia de cloaca foi feita com a técnica de Kelley, considerada inovadora
04/08/2022

Cientistas estão desenvolvendo gel bucal para tratar mucosite

Principal reação adversa da quimioterapia, a mucosite oral causa intensa dor e pode ser porta de entrada para outras infecções
02/08/2022

Doenças raras é tema de mesa-redonda organizada pelo Pequeno Príncipe

A iniciativa fez parte da programação da 74.ª reunião anual da Sociedade Brasileira para o Progresso da Ciência (SBPC)
01/08/2022

Aleitamento materno favorece desenvolvimento da inteligência e estrutura da face

Especialistas do Hospital Pequeno Príncipe explicam ligação entre o neurodesenvolvimento e o crescimento ósseo adequado da face
28/07/2022

Hepatites A e B podem ser prevenidas por meio da vacinação

O Centro de Vacinas Pequeno Príncipe disponibiliza imunizantes contra essas duas formas da doença, que ocorrem de forma endêmica no Brasil
Ver mais