Manejo da dor aguda em pediatria é tema do Pequeno Príncipe Conhecimento - Hospital Pequeno Príncipe

Notícias

Manejo da dor aguda em pediatria é tema do Pequeno Príncipe Conhecimento

A aula contou com a presença da médica anestesiologista e membro da Sociedade Americana de Dor Pediátrica, Ana Carolina Lopes Pinheiro
30/08/2021
O encontro destacou a importância do tratamento precoce e adequado da dor aguda nos diversos setores hospitalares.

 

O Pequeno Príncipe, por meio do projeto Pequeno Príncipe Conhecimento, trouxe para debate o tema do manejo da dor aguda em pediatria. O assunto foi apresentado pela médica anestesiologista e membro da Sociedade Americana de Dor Pediátrica, Ana Carolina Lopes Pinheiro, e contou com moderação da médica coordenadora do Serviço de Anestesiologia do Hospital Pequeno Príncipe, Carolina Rizzoni Silveira.

A Anestesiologia é a especialidade médica que consiste em evitar a dor em um paciente que está sendo submetido a uma intervenção cirúrgica ou a um exame.

Ana Carolina, que já atuou no Pequeno Príncipe, destacou aos profissionais que atuam com crianças e adolescentes a importância do tratamento precoce e adequado da dor aguda nos diversos setores hospitalares. Durante a apresentação, realizada de forma on-line, os participantes tiveram a oportunidade de esclarecer dúvidas e conhecer mais sobre o tratamento farmacológico e não-farmacológico no manejo de casos de dores. “Essa consciência deve ser propagada não só para anestesiologistas como para todas as outras áreas que atuam na pediatria”, comenta a médica.

Saber mais a respeito do manejo da dor aguda pediátrica auxilia e evita situações como: evolução para quadros de dores crônicas, alimentação e deambulação tardias, estresse exacerbado físico e emocional, náuseas e vômitos, sofrimento familiar, entre outros.

“O profissional que entende e sabe lidar com situações de crises agudas de dor se sente mais seguro em usar medidas medicamentosas e métodos não-invasivos para lidar com seus pacientes. Isso proporciona segurança na relação médico-familiar, além de diminuir o tempo de internamento dos pacientes, evitando todos os prejuízos adversos de uma hospitalização prolongada”, finaliza a anestesiologista pediátrica.

Você sabia?
A Anestesiologia é a especialidade médica que consiste em evitar a dor em um paciente que está sendo submetido a uma intervenção cirúrgica ou a um exame. É a área responsável pela avaliação do paciente, escolha do tipo de anestesia, vigilância durante o procedimento e recuperação da anestesia. O Hospital Pequeno Príncipe é um dos poucos centros do Brasil especializado em anestesia para crianças e adolescentes e é o que possui o maior volume desse tipo de procedimento no país.

+ Notícias

17/05/2022

Pequeno Príncipe inicia campanha televisiva para captação de recursos

A iniciativa busca dar mais visibilidade para a causa da saúde infantojuvenil, além de contribuir para a sustentabilidade econômico-financeira da instituição
16/05/2022

Atualização do calendário vacinal pode prevenir casos de SRAG no público infantojuvenil

Diversas doenças respiratórias podem evoluir para a síndrome aguda grave. O Pequeno Príncipe alerta que as medidas de prevenção, como a imunização, precisam ser mantidas
15/05/2022

Sintomas da mucopolissacaridose aparecem na primeira infância

A doença rara é genética e neurodegenerativa, que evolui com sintomas multissistêmicos
12/05/2022

Semana de Enfermagem aborda tecnologias e inovações em benefício da saúde

Neste ano, além de homenagear os profissionais de enfermagem do Pequeno Príncipe e ampliar os conhecimentos, a iniciativa apresentou as novidades do ramo
11/05/2022

Faculdades Pequeno Príncipe inaugura escritório que facilita oportunidade de estudos nos EUA

A iniciativa coloca a unidade de educação em um seleto de grupo de 43 instituições brasileiras que integram o programa global
10/05/2022

Lúpus: conscientização garante diagnóstico e tratamento corretos

O Hospital Pequeno Príncipe reforça a importância da atenção à doença, que não tem cura, mas permite, com os cuidados necessários, ao paciente ter mais qualidade de vida
Ver mais