Instituto de Pesquisa Pelé Pequeno Príncipe completa 13 anos de estudos científicos em prol da vida - Hospital Pequeno Príncipe

Notícias

    Instituto de Pesquisa Pelé Pequeno Príncipe completa 13 anos de estudos científicos em prol da vida

    Os trabalhos contribuem, de forma inovadora, para diagnósticos precoces, tratamentos mais assertivos e a diminuição da mortalidade infantojuvenil
    26/04/2019
    Parte da equipe do Instituto de Pesquisa Pelé Pequeno Príncipe: ciência em favor da saúde infantojuvenil.

    O Instituto de Pesquisa Pelé Pequeno Príncipe chega ao 13º aniversário nesta sexta-feira, dia 26, reforçando seu compromisso com a causa da saúde infantojuvenil. Mais de uma centena de estudos foram realizados e  contribuem para assegurar, além do diagnóstico precoce,  métodos de tratamento mais assertivos e a diminuição da mortalidade infantojuvenil.

    Unidade de pesquisa do Complexo Pequeno Príncipe, o Instituto é a prova de que o investimento em ciência gera novas oportunidades para salvar vidas. O campo do conhecimento científico influencia a prática médica, assim como esta provoca questões a serem pesquisadas, enquanto a educação de profissionais de saúde dissemina o conhecimento sistematizado e se abre para novas perspectivas, tudo em sinergia.

    A ousadia de investir em ciência tornou-se uma realidade em 2006 e hoje, 26 de abril de 2019, ano do centenário da instituição, o Pequeno Príncipe tem muito a celebrar. No Brasil, no entanto, ainda não há uma cultura estabelecida de incentivos à pesquisa e o país investe em ciência, tecnologia e inovação menos de 1% do PIB. O Ministério da Ciência e Tecnologia investiu R$ 8,7 bilhões em 2010. Já este ano a pasta deve receber R$ 2,9 bilhões.

    “Fazer pesquisa é um desafio no Brasil, mas o Pequeno Príncipe, pioneiramente, tem mostrado resultados que comprovam que investir em estudos científicos voltados à saúde infantojuvenil transforma e salva vidas”, ressalta a diretora-geral do Instituto de Pesquisa Pelé Pequeno Príncipe, Ety Cristina Forte Carneiro.
    Aliar assistência em saúde, ensino e pesquisa faz parte do DNA do Pequeno Príncipe. “Nosso compromisso é colocar os avanços tecnológicos a serviço da vida e da qualidade de vida de toda a população infantojuvenil”, completa Ety Cristina Forte Carneiro.

    + Notícias

    13/07/2024

    ECA: ampliação de leis fortalece proteção contra violência

    Entre as atualizações, está a inclusão de bullying e cyberbullying no Código Penal. Neste Dia do ECA, o Hospital Pequeno Príncipe chama a atenção para dados alarmantes destes tipos de violências
    10/07/2024

    Por que é importante não reprimir o choro?

    Hospital Pequeno Príncipe dá dicas de como criar um ambiente seguro e acolhedor para crianças e adolescentes expressarem as emoções
    09/07/2024

    Sessão de cinema diverte pacientes da hemodiálise

    Crianças e adolescentes atendidos no Hospital Pequeno Príncipe saíram do espaço com o coração aquecido e memórias inesquecíveis
    08/07/2024

    Nota de solidariedade ao hospital pediátrico bombardeado em Kiev

    Pequeno Príncipe manifesta a dor pela violência cometida contra pessoas inocentes, dentre elas crianças doentes e hospitalizadas
    04/07/2024

    Tratamento de efluentes: Hospital e Sanepar assinam parceria

    Iniciativa pioneira no país vai testar diferentes maneiras de reduzir antibióticos e combater o surgimento de superbactérias no esgoto hospitalar
    03/07/2024

    Como o celular e as redes sociais afetam os adolescentes?

    Hospital Pequeno Príncipe dá dicas sobre como promover a utilização equilibrada e responsável dessas tecnologias
    Ver mais