Instituto da Criança de SP recebe a Ciranda das Artes - Hospital Pequeno Príncipe

Notícias

Instituto da Criança de SP recebe a Ciranda das Artes

Apresentação do projeto cultural apoiado pelo Hospital Pequeno Príncipe foi realizada nesta quinta-feira e cativou os pacientes do hospital
16/05/2014

IMG_9145Três horas com muita música e atividades lúdicas. Assim foi a tarde desta quinta-feira, dia 15, no Instituto da Criança, em São Paulo. O hospital foi palco de uma apresentação do projeto Ciranda das Artes, viabilizado pela Lei Rouanet de Incentivo à Cultura, realizado pelo Ministério da Cultura e apresentado pela empresa de marketing cultural e social CGC-CSA. A ação leva intervenções culturais a pacientes internados, despertando o interesse pela arte desde a infância. O projeto é apoiado pelo Hospital Pequeno Príncipe, onde também é realizado.

Instrumentos musicais e composições do folclore brasileiro foram utilizados para estimular os meninos e as meninas a aprender de uma forma divertida e a experimentar diferentes técnicas e linguagens artísticas. Esses momentos especiais foram comandados pela cantora e arte-educadora Rosy Greca e encantaram não somente as crianças e os adolescentes, mas também os adultos que as acompanham. Eles participaram entusiasmadamente da atividade, com um sorriso estampado no rosto. Ao todo, os pacientes internados nos 120 leitos da instituição foram contemplados com a ação.

A coordenadora de humanização do Instituto da Criança, Jaqueline Aparecida de Lara, destacou a importância da parceria entre o hospital e o Pequeno Príncipe, que reforça a relevância da humanização na assistência, visto que o atendimento oferecido aos pequenos pacientes com doenças complexas e raras exige mais do que conhecimento acadêmico e recursos tecnológicos. “Por isso é preciso desenvolver ações culturais, educacionais e de lazer, pois quebram a rotina hospitalar”, afirmou.

O Instituto da Criança do Hospital das Clínicas, da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo (USP), atende pacientes de zero a 19 anos em mais de 20 especialidades médicas. Desde 1976, quando foi inaugurado, oferece tratamento a recém-nascidos, crianças e adolescentes com doenças complexas.

Sobre o projeto
O Ciranda das Artes é financiado pela Lei Rouanet de Incentivo à Cultura. Suas atividades mesclam oficinas de música, teatro, fotografia e escultura. É o primeiro projeto cultural apoiado pelo Hospital Pequeno Príncipe a se tornar itinerante. Apresentações musicais já foram levadas a Belo Horizonte e Rio de Janeiro, além de São Paulo. A próxima parada será em Florianópolis, com uma atividade teatral a cargo do Grupo Malasartes. O projeto é patrocinado pelas empresas ExxonMobil Business Support Center Brasil Ltda., ExxonMobil Química Ltda. e Raia Drogasil S/A.

Sobre a CGC-CSA
A empresa de marketing cultural e social CGC-CSA tem como foco projetos de arte, com destaque para acessibilidade. Ela abre novos espaços de atuação, promove e incentiva o acesso à cultura, valoriza artistas nacionais e contribui para a formação de plateia, levando a arte para toda a comunidade, especialmente crianças, adolescentes e familiares do Hospital Pequeno Príncipe, de Curitiba (PR). A empresa desenvolve seus projetos culturais partindo da certeza de que a arte inclui e transforma.

+ Notícias

23/06/2022

Festas juninas pedem atenção redobrada com a alimentação das crianças

Pequeno Príncipe alerta que o consumo de doces e de comidas típicas pode prejudicar condições de saúde já existentes
21/06/2022

Asma: vacinas atuam na redução de doenças que afetam o sistema respiratório

A doença não possui um imunizante específico, mas existem outras vacinas que auxiliam nas síndromes respiratórias
17/06/2022

Corpus Christi: Pequeno Príncipe recebe bênção do Santíssimo Sacramento

A ação, realizada em carro aberto, fez parte da programação especial organizada pela Arquidiocese de Curitiba
14/06/2022

Doar sangue é um ato de amor ao próximo

Neste Dia Mundial do Doador de Sangue, o Pequeno Príncipe reforça a importância desse ato de solidariedade, que pode salvar até quatro vidas
13/06/2022

Albinismo é distúrbio raro que precisa de cuidado multidisciplinar

A condição é definida pela ausência ou diminuição importante na produção de melanina – pigmento que determina a cor da pele, dos olhos e do cabelo
12/06/2022

Cardiopatias congênitas: diagnóstico precoce é fundamental para tratamento assertivo

O conjunto de doenças pode ser descoberto ainda na gravidez, com o ecocardiograma fetal, ou nos primeiros dias após o nascimento, por meio do teste do coraçãozinho
Ver mais