Câmara dos Vereadores de Curitiba faz homenagem aos 10 anos do TMO - Hospital Pequeno Príncipe

Notícias

Câmara dos Vereadores de Curitiba faz homenagem aos 10 anos do TMO

O atendimento de crianças de pouca idade e com doenças raras é dos diferenciais que colocou a instituição como referência nacional
12/05/2021


O Serviço de Transplante de Medula Óssea (TMO) do maior hospital pediátrico do Brasil, o Pequeno Príncipe, completou uma década de atendimento em 2021. Para homenagear o trabalho de toda a equipe médica, o vereador Alexandre Leprevost propôs à Câmara de Curitiba uma homenagem, com votos de congratulações e aplausos, entregues aos diretores do hospital no dia 10 de maio.

“Nestes dez anos, nos tornamos um dos maiores centros de transplante pediátrico da América Latina, com mais de 250 vidas transformadas”, conta o diretor corporativo do Hospital, José Álvaro da Silva Carneiro. Nestes dez anos, 26% dos transplantes realizados foram em crianças com idade abaixo de 3 anos. O atendimento de crianças de pouca idade e com doenças raras é uma das especificidades que fizeram com que o Serviço de TMO do Pequeno Príncipe recebesse pacientes de todo o país – 61% dos atendimentos são de fora de Curitiba. O reconhecimento nacional também se deve aos procedimentos realizados com doadores haploidênticos – quando a compatibilidade não é de 100%, uma vez que encontrar um doador compatível é um dos grandes desafios para realizar um TMO. Mesmo dentro da família, as chances de conseguir um doador 100% compatível é de apenas 25%.

O atendimento no Pequeno Príncipe é realizado por médicos com formação em transplante pediátrico, que recebem o suporte diário de profissionais de outras 32 especialidades, como infectologistas, intensivistas, nefrologistas, cardiologistas, ortopedistas, neurologistas, endocrinologistas, dermatologistas, hemoterapeutas. Este trabalho garante um atendimento de excelência.

Durante a entrega do certificado, o vereador Alexandre Leprevost reforçou seu compromisso com a saúde e o bem-estar da população curitibana. “A homenagem é um reconhecimento ao excelente trabalho realizado há 101 anos pelo Hospital Pequeno Príncipe, parabenizando também todos os profissionais pelos 10 anos do serviço de transplante de medula óssea. Como representante do povo, é meu papel apoiar e incentivar instituições que trabalham diariamente para oferecer mais saúde para nossa cidade”, diz. “Ficamos muito felizes com esse reconhecimento e seguimos trabalhando para possibilitar a ampliação do nosso serviço de TMO”, finaliza José Álvaro.

+ Notícias

16/04/2024

COVID-19 e dengue são ameaças à saúde das crianças no Brasil

Primeiro trimestre de 2024 foi marcado pela elevação do número de casos e de mortes provocadas pelas duas doenças
11/04/2024

Renúncia fiscal transforma a vida de crianças e adolescentes

Destinação do Imposto de Renda contribui para a equidade no atendimento em saúde a pacientes vindos de todo o país
08/04/2024

Pronon e Pronas: Pequeno Príncipe contribui com consulta pública

Há dez anos, o Hospital elabora, executa e presta contas de projetos desenvolvidos dentro dos programas
07/04/2024

Dia Mundial da Saúde: “Minha Saúde, Meu Direito”

O Hospital Pequeno Príncipe desenvolve uma série de iniciativas em favor da proteção integral de meninos e meninas
02/04/2024

TDAH e autismo: quais são as semelhanças e diferenças?

A identificação da manifestação dos sintomas é crucial para o diagnóstico e tratamento adequados e individualizados
30/03/2024

Como ajudar a criança ou o adolescente com transtorno bipolar?

Por ser uma doença crônica, que não tem cura, o apoio dos pais, familiares e amigos é essencial
Ver mais