Emoção marcou o lançamento do livro Fada de Botas - Hospital Pequeno Príncipe

Notícias

Emoção marcou o lançamento do livro Fada de Botas

Convidados, amigos, familiares e muitas crianças prestigiaram o evento
31/10/2013

“Livrarias e bibliotecas para mim são lugares sagrados”, assim a autora Fernanda Salgueiro iniciou seu discurso durante o lançamento de sua segunda obra, Fada de Botas, que aconteceu na noite de ontem, (30), na Livraria Cultura do Shopping Curitiba. 

O principal objetivo da autora de livros infantis é levar a leitura ao maior número de crianças, pois acredita que o gosto pelos livros deve ser incentivado na infância. “A literatura tem uma importância enorme na minha vida e eu gostaria que ela também tivesse importância na vida das crianças. Busco tocar de alguma forma o coração delas, como meus autores queridos tocaram meu coração quando eu era pequena”, explica.

Fernanda agradeceu o apoio do Hospital Pequeno Príncipe e ressaltou que a instituição acredita, há mais de 90 anos, no poder de mudar a vida das crianças, de mudar a sua realidade por meio da educação e da cultura. 

O livro, que vai encantar principalmente as meninas, teve ilustrações da artista Maureen Miranda que também muito emocionada agradeceu a parceria que realizou com a autora. “A Fernanda já sabia muito bem o que ela queria e foi um encontro que deu muito certo”, destaca a ilustradora. Segundo ela, a inspiração para fazer as ilustrações vem da própria vida. “Uma música que eu escuto, um lugar por onde passo, tudo pra mim é uma inspiração, viver é uma inspiração”, comenta. 

Lauren Bertolini, nove anos, que gosta muito de ler, foi a primeira a receber autógrafo na noite do lançamento e declarou estar ansiosa para conhecer as aventuras da fadinha Amanda. “Adorei conhecer uma fada de cabelo cor-de-rosa e que usa óculos”, disse a pequena que costuma ler um livro por semana. 

DSC_0090
Lauren com seu pai na fila de autógrafos. Foi a primeira a receber o tão esperado livro.

O livro é financiado pela Lei Rouanet e tem apoio do Hospital Pequeno Príncipe. Além da versão impressa, o projeto prevê um audiolivro, o que garantirá acesso às crianças com deficiência visual. A versão digital já está disponível no site www.fadadebotas.com.br.

Patrocinadores

Esse projeto conta com patrocínio das seguintes empresas: ArcelorMittal Gonvarri Brasil Produtos Siderúrgicos S.A, Breitkopf Caminhões Ltda, Breitkopf Veículos Ltda, Marelli Móveis para Escritório Ltda e Metalesp (Metalúrgica de Projetos Especiais Rio Branco Ltda). 

Sobre a autora

Fernanda Salgueiro, consultora de marketing e escritora. Com formação pela UFPR em administração, com ênfase em marketing, sempre nutriu uma paixão pela literatura. Atua no terceiro setor em projetos de inclusão social e cultural voltados a crianças e adolescentes. Em 2012, publicou o livro Bichonário Pequeno Príncipe, com minicontos e desenhos das crianças em internamento no Hospital.
 DSC_0081
Sobre a ilustradora
Maureen Miranda é uma artista multifacetada, pois, além de atriz e diretora, também é artista plástica, ilustradora e figurinista. Nascida em Pato Branco, mora em Curitiba há 20 anos, onde atua em diversas áreas e tem um atelier. Convidada por Fernanda Salgueiro, Maureen criou as ilustrações para o livro da escritora e emocionou-se ao dar “vida” para a fadinha Amanda.
 

+ Notícias

23/05/2022

Voluntários do Pequeno Príncipe retornam às atividades presenciais

A retomada foi possível com todos os cuidados que o momento de pandemia do coronavírus ainda exige
19/05/2022

Representantes do CEDCA visitam o Centro de Reabilitação e Convivência Pequeno Príncipe

A unidade, que foi reestruturada, atende a diferentes tipos de deficiências de forma integral e humanizada
18/05/2022

Em um ano, Hospital atende mais de 600 crianças e adolescentes vítimas de violência

Em comparação com o ano anterior, o aumento de casos foi de 11%; mais da metade das ocorrências aconteceu na residência da própria criança
17/05/2022

Pequeno Príncipe inicia campanha televisiva para captação de recursos

A iniciativa busca dar mais visibilidade para a causa da saúde infantojuvenil, além de contribuir para a sustentabilidade econômico-financeira da instituição
16/05/2022

Atualização do calendário vacinal pode prevenir casos de SRAG no público infantojuvenil

Diversas doenças respiratórias podem evoluir para a síndrome aguda grave. O Pequeno Príncipe alerta que as medidas de prevenção, como a imunização, precisam ser mantidas
15/05/2022

Sintomas da mucopolissacaridose aparecem na primeira infância

A doença rara é genética e neurodegenerativa, que evolui com sintomas multissistêmicos
Ver mais