Em sua nona edição, Gala Pequeno Príncipe abre as comemorações pelo centenário do maior hospital pediátrico do Brasil - Hospital Pequeno Príncipe

Notícias

Em sua nona edição, Gala Pequeno Príncipe abre as comemorações pelo centenário do maior hospital pediátrico do Brasil

Realizado no Castelo do Batel, em Curitiba, o evento une gastronomia e solidariedade em prol dos trabalhos de assistência e pesquisa da instituição
06/10/2018
Gala Pequeno Príncipe 2018: união de talentos em prol da saúde infantojuvenil.

Às vésperas de completar um século, o maior hospital pediátrico do Brasil, referência em procedimentos de alta e média complexidade em mais de 30 especialidades médicas, reuniu cerca de 350 apoiadores para comemorar conquistas e compartilhar desafios na nona edição do Gala Pequeno Príncipe. Em 2018, o evento, realizado na noite dessa sexta-feira, dia 5, retornou a Curitiba e teve o Castelo do Batel – cartão-postal da capital paranaense – como cenário.

Com o objetivo de celebrar a vida, por meio da união da alta gastronomia e da solidariedade, e buscar recursos que são integralmente investidos nas atividades de assistência e pesquisa da instituição, o Gala Pequeno Príncipe reforça o compromisso de toda sociedade com a causa da saúde infantojuvenil. “É com grande alegria que recebemos vocês para esse Gala, que marca o início das comemorações dos 100 anos do nosso Pequeno Príncipe. O Pequeno Príncipe de Curitiba, de todo Brasil. Temos gratidão pelo apoio crescente de todos, que transforma positivamente a saúde das crianças do nosso país”, ressaltou a diretora executiva do Hospital Pequeno Príncipe, Ety Cristina Forte Carneiro.

As co-chairs do Gala Pequeno Príncipe com a diretora executiva do Hospital e as homenageadas da noite.

O sucesso do Gala Pequeno Príncipe foi possível somente com o trabalho incansável das co-chairs do evento. “Quero dedicar essa noite a todas as pessoas que têm o dom de cuidar, de se preocupar com o outro”, enfatizou Daniele Giacomazzi Behring, também embaixadora do Pequeno Príncipe, ao fazer um justo reconhecimento a todos os profissionais que se dedicam à assistência e pesquisa em favor de melhores tratamentos, prevenção e cura.

Bastante emocionada, Monique Nosé comparou as equipes do Hospital a estrelas, capazes de fazer brilhar a esperança e apontar caminhos em meio ao medo e à escuridão. “Fico muito feliz por ser mais uma pecinha nesse caminhar do coração que o Pequeno Príncipe vem trilhando com tanto êxito há 99 anos”, completou. Amalia Spinardi Thompson Motta fez questão de agradecer a diretoria da instituição pela oportunidade de fazer parte do projeto. “É uma honra estar aqui, reunir tantos amigos e poder colaborar com um trabalho tão maravilhoso”, reiterou.

Além de Daniele, Monique e Amalia, os membros do Comitê de Apoio foram fundamentais para o sucesso do evento. Juntos, eles mobilizaram suas redes de contato em favor das crianças e adolescentes beneficiados pelas atividades do Hospital.

A atriz Fernanda Vasconcellos foi a mestre de cerimônias da noite.

O evento
O Gala 2018 em Curitiba foi conduzido pela atriz Fernanda Vasconcellos, conhecida por seus trabalhos na Rede Globo e séries da Netflix, que foi a mestre de cerimônias da noite. Os convidados puderam degustar um menu exclusivo com deliciosos pratos preparados pelo padrinho do evento, o chef francês Claude Troisgros, e pelos seus
convidados: Mitsuharu Tsumura – chef peruano que cozinhou pela primeira vez em Curitiba –, Celso Freire, Ivan Ralston e Hermes Custódio. “Este jantar é muito especial, sempre um momento magnífico dividido com o Pequeno Príncipe”, observou Troisgros. “É um prazer apoiar essa linda causa e ser parte dessa noite”, falou Tsumura.

A noite ainda foi marcada por emocionantes homenagens prestadas a Ety Gonçalves Forte e à médica Flora Mitie Watanabe, que têm dedicado as suas vidas para transformar a trajetória de crianças e adolescentes de todo o país. Ety é uma voluntária de coração e há 52 anos é presidente da Associação Hospitalar de Proteção à Infância Dr. Raul Carneiro, mantenedora do Hospital Pequeno Príncipe. Tomada pela emoção e lembranças de um grandioso trabalho, ela relembrou dificuldades do início da jornada, quando em uma noite soube que teria apenas um pouco de arroz para garantir o jantar dos pacientes.

Flora Mitie Watanabe e Ety Gonçalves Forte: muito amor e trabalho em favor das crianças e adolescentes brasileiros.

Consciente do seu papel e disposta a fazer a diferença na vida das crianças, Ety saiu às ruas em busca de ajuda e da doação de alimentos. “Vou deixar a voz do coração falar essa noite. Quero agradecer todos vocês pelo apoio ao Pequeno Príncipe”, disse. 

Flora, oncologista pediátrica da instituição e que atua há mais de quatro décadas no cuidado e tratamento de meninos e meninas com câncer, foi muito aplaudida quando disse que seu lugar era no Hospital, perto das crianças, demonstrando sua generosidade e simplicidade diante de todo reconhecimento. “Essa homenagem é para toda a equipe, para todos aqueles que, como eu, têm a missão de batalhar todos os dias pelas nossas crianças”, comentou.


A ex-paciente oncológica Gabriela Medeiros também emocionou o público presente no Gala Pequeno Príncipe. “Eu só posso agradecer o cuidado e o carinho com que a equipe cuidou de mim. Eu sou o primeiro caso de autotransplante do mundo. Passei cinco anos dentro do Hospital e devo minha vida aos cuidados que recebi da doutora Flora e do doutor Eurípides”, emocionou-se.

Outro momento especial da noite foi a realização de um leilão beneficente em prol do Pequeno Príncipe. Foram leiloadas peças das grifes Montblanc e IWC Schaffhausen, bem como uma experiência cedida pela estilista Martha Medeiros, pelo Hotel Unique e pelo chef Rodrigo Oliveira. Também foram arrematados lotes com itens exclusivos assinados pelo Rei do Futebol, Pelé.

Atrações musicais
As atrações musicais foram outro destaque especial do Gala Pequeno Príncipe 2018. A banda Blitz subiu ao palco e levou os convidados a uma deliciosa viagem aos anos de 1980. Também se apresentaram e garantiram muita animação ao público a cantora Rafa Gomes, finalista da primeira edição do programa “The Voice Kids Brasil”; o barítono Paulo Barato; e, para finalizar a noite, o DJ Edo Krause.

A banda Blitz foi uma das atrações da noite.

+ Notícias

07/12/2022

5 dicas para manter uma alimentação saudável nas férias

O Hospital Pequeno Príncipe relembra a importância de cuidar de alguns hábitos nesta época do ano
06/12/2022

Espetáculo de Natal vai alterar o trânsito no entorno do Hospital

As apresentações do “Papai Noel na Sumiçolândia” acontecerão nos dias 9, 10 e 11 de dezembro, às 21h, na fachada histórica da instituição
05/12/2022

Serviço de Ortopedia do Pequeno Príncipe é referência em tratamento de doenças e síndromes complexas

Em 2021, o serviço realizou 17.249 procedimentos cirúrgicos, além de 13.040 consultas ambulatoriais
02/12/2022

Mitos e verdades sobre convulsões

Distúrbio que provoca grande apreensão nos pais, as convulsões precisam de acompanhamento médico
29/11/2022

Dia de Doar: renúncia fiscal tem potencial de arrecadar até R$ 8 bilhões

Data criada há 20 anos nos Estados Unidos pretende fortalecer cultura de doações no Brasil. Doações via Imposto de Renda podem ser feitas até dia 29 de dezembro
25/11/2022

Hemodinâmica: cateterismo evita cirurgias de grande porte em neonatos

O serviço do Hospital Pequeno Príncipe é referência nacional em pediatria e, em 2021, realizou 297 cateterismos
Ver mais