Dia Mundial de Luta Contra as Hepatites Virais reforça a importância do diagnóstico precoce - Hospital Pequeno Príncipe

Notícias

Dia Mundial de Luta Contra as Hepatites Virais reforça a importância do diagnóstico precoce

Com o devido acompanhamento médico, é possível conter a evolução dos tipos da doença. Se não tratada, a enfermidade pode se tornar crônica e, até mesmo, causar a perda da função do fígado
28/07/2017
As hepatites A e B podem ser evitadas por meio de vacinação

Neste Dia Mundial de Luta Contra as Hepatites Virais, 28 de julho, o Hospital Pequeno Príncipe reforça a importância do diagnóstico precoce para combater essa inflamação. Com o devido acompanhamento médico, é possível conter a evolução dos tipos da doença. Se não tratada, a enfermidade pode se tornar crônica e, até mesmo, causar a perda da função do fígado.

Os principais tipos de hepatites virais atendidos são A, B, C, e E. Eles apresentam diferentes formas de contágio e tratamento. “As hepatites A e E são adquiridas por meio do contato fecal e oral. Já a B e C ocorrem pelo uso de seringas contaminadas e por relações sexuais desprotegidas”, explica o infectologista do Pequeno Príncipe, Victor Horácio de Souza. Para as hepatites A e B, existem vacinas que devem ser aplicadas ainda nos primeiros anos de vida.

Alguns sinais e sintomas são comuns entre os tipos de hepatite. Logo que forem detectados, é preciso buscar um médico. “Dores abdominais, aumento do fígado e icterícia (amarelão) são algumas evidências da doença. O acompanhamento médico é fundamental nesses casos para evitar um comprometimento maior do órgão”, destaca o médico.

Para prevenir as hepatites virais, manter a vacinação em dia (para os tipos A e B), fazer corretamente a higiene pessoal, utilizar seringas apenas para medicamentos uma única vez e usar preservativo durante as relações sexuais é essencial.

+ Notícias

25/11/2022

Hemodinâmica: cateterismo evita cirurgias de grande porte em neonatos

O serviço do Hospital Pequeno Príncipe é referência nacional em pediatria e, em 2021, realizou 297 cateterismos
24/11/2022

Pequeno Príncipe vence o Prêmio Líderes Regionais Paraná 2022

A instituição foi premiada na categoria ESG – Responsabilidade Social. O reconhecimento destaca empresas, organizações e empresários que contribuíram para o desenvolvimento do estado
23/11/2022

Câncer pediátrico: diagnóstico precoce pode salvar até 84% dos pacientes

Referência nacional no tratamento de doenças onco-hematológicas há meio século, Hospital Pequeno Príncipe alerta sobre sintomas
21/11/2022

Pequeno Príncipe atua na prevenção da resistência aos antimicrobianos

A Organização Mundial da Saúde (OMS) estima que 1,3 milhão de pessoas morram a cada ano devido aos efeitos dessa resistência  
20/11/2022

Dia Mundial da Criança chama atenção à defesa de direitos

Em sua trajetória centenária, o Hospital Pequeno Príncipe desenvolve uma série de iniciativas em favor da proteção integral de meninos e meninas  
18/11/2022

Eletrofisiologia: Pequeno Príncipe é pioneiro em pediatria e mapeamento do coração em procedimento cirúrgico

O serviço também é referência no Brasil na realização de procedimentos invasivos e colocação de dispositivos eletrônicos no público infantojuvenil
Ver mais