Dia Mundial da Sepse: profissionais da saúde são fundamentais na detecção precoce - Hospital Pequeno Príncipe

Notícias

Dia Mundial da Sepse: profissionais da saúde são fundamentais na detecção precoce

Estima-se que, a cada segundo, uma pessoa morre no mundo por sepse e que anualmente no Brasil ocorram 230 mil óbitos em decorrência do problema
13/09/2019

O Hospital Pequeno Príncipe faz um alerta importante neste Dia Mundial da Sepse. O Brasil tem uma das mais altas taxas de mortalidade do mundo provocada por essa condição grave, que evolui rapidamente e pode levar o paciente à morte.

Neste 13 de setembro, a instituição reforça ainda a importância dos profissionais de saúde na detecção precoce e conduta adequada em relação a esta infecção. De acordo com o Instituto Latino-Americano de Sepse (ILAS), todo ano são registrados de 15 a 17 milhões de novos casos de sepse em todo o mundo.

Estima-se que, em território brasileiro,  400 mil novos casos são diagnosticados por ano, com cerca de 230 mil óbitos. O problema se  caracteriza por um conjunto de sinais e sintomas provocados por infecção generalizada que pode ser causada por vírus, bactérias ou fungos.

O tratamento, quando iniciado na primeira hora do diagnóstico médico, pode salvar vidas. Para isso, os profissionais de saúde devem ficar atentos quando o paciente apresentar os seguintes sinais:

– Temperatura acima de 38°C (febre).
– Temperatura abaixo de 36°C (hipotermia).
– Aceleração dos batimentos cardíacos.
– Aceleração da frequência respiratória.
– Fraqueza intensa.
– Falta de ar.
– Vômitos.
– Diminuição da quantidade de urina.
– Queda da pressão arterial.
– Alterações da consciência com sonolência, agitação ou confusão mental.

+ Notícias

04/10/2022

Convivência com animais de estimação beneficia desenvolvimento das crianças

Ao crescer ao lado de um bichinho, os pequenos vivenciam diferentes experiências que contribuem para a saúde física e mental
03/10/2022

Rede Nacional de Doenças Raras se reúne no Pequeno Príncipe

O encontro dos centros de referência brasileiros discutiu inquérito nacional dos serviços que vai servir de base para o Ministério da Saúde
30/09/2022

Setembro Amarelo: é preciso falar sobre tentativa de suicídio na infância e adolescência

O Hospital Pequeno Príncipe, referência em atendimentos pediátricos, registrou um aumento de 95% dos casos do primeiro semestre de 2021 para 2022
29/09/2022

Coração dá sinais de que precisa de cuidado

Neste Dia Mundial do Coração, o Hospital Pequeno Príncipe alerta quando é necessário buscar um pediatra
27/09/2022

Doação de órgãos e tecidos: uma decisão que transforma vidas

O Hospital Pequeno Príncipe, que até agosto de 2022 realizou 183 transplantes de órgãos, reforça a importância do diálogo sobre o tema
26/09/2022

Voluntários celebram o brincar em retorno ao Pequeno Príncipe

Neste ano, o Dia do Voluntário Paranaense é cercado de ainda mais emoção, devido à retomada das atividades presenciais
Ver mais