Calouros de Medicina da FPP visitam o Hospital Pequeno Príncipe - Hospital Pequeno Príncipe

Notícias

Calouros de Medicina da FPP visitam o Hospital Pequeno Príncipe

O acolhimento aos futuros médicos já faz parte do calendário de atividades da instituição
25/02/2016
Os calouros de Medicina da FPP participaram da tradicional acolhida no Hospital.
Os calouros de Medicina da FPP participaram da tradicional acolhida no Hospital.

Quarenta e sete calouros do curso de Medicina da Faculdades Pequeno Príncipe participaram, na manhã desta quinta-feira (25/2), da já tradicional acolhida aos futuros médicos no Hospital. Além da visita à instituição, o grupo conheceu detalhes da história da entidade, que há quase um século é referência em saúde infantojuvenil, e participou de palestras com diferentes profissionais.

Coube à cirurgiã pediátrica e professora da FPP, Elisângela de Mattos e Silva, dar as boas-vindas à turma. O diretor corporativo do Complexo Pequeno Príncipe, José Álvaro Carneiro, falou sobre a estrutura da instituição e também dos avanços na área médica.
Fábio de Araújo Motta, infectologista, pediatra e coordenador de Qualidade e do Programa de Acreditação do Hospital Pequeno Príncipe, também trocou experiências com os acadêmicos. “Errar é humano e admitir os erros é o primeiro passo para aprender com eles e melhorar o desempenho”, avisa o médico.

A diretora executiva do Hospital Pequeno Príncipe, Ety Cristina Forte Carneiro, trouxe o tema da humanização para reflexão com os estudantes. “Médicos também têm e devem expressar emoção. Lidar com isso, de maneira saudável, é o grande segredo”, diz.
Os futuros médicos tiveram outra surpresa especial. O esperado trote de boas-vindas foi uma interação mais que especial com pacientes do Pequeno Príncipe, que fizeram desenhos nos rostos dos estudantes.

Os pacientes interagiam com os futuros médicos em um trote mais que especial.
Os pacientes interagiam com os futuros médicos em um trote mais que especial.

Repercussão
A acadêmica Ingridy Digner considerou extremamente relevante a visita. “É muito importante observar na prática tudo que veremos sobre humanização, aproximação com o paciente. Isso é levado muito a sério no Hospital”, comenta.

Pedro Calegari, também calouro de Medicina da FPP, estava bastante ansioso. “O Brasil inteiro conhece o Hospital e essa aproximação vai permitir relacionar prática com teoria”, observa.

A coordenadora geral do Centro Acadêmico de Medicina Maria Estrella da Faculdades Pequeno Príncipe, Gabriela de Araújo, lembra que a iniciativa partiu dos próprios estudantes do curso. “A ideia é que eles vejam que a Medicina não se restringe a tratar doença. É humanização, carinho, afeto e cuidado, que são pilares do Complexo Pequeno Príncipe”, fala.

+ Notícias

22/02/2024

O que é e como identificar o transtorno de personalidade borderline?

Conheça os sintomas, as causas e a importância da psicoterapia como forma de tratamento
20/02/2024

Crianças podem ter uma dieta vegetariana?

A prática é adequada em qualquer fase da vida, mas é preciso garantir o consumo de todos os nutrientes necessários para o desenvolvimento infantil
15/02/2024

Quando levar a criança ao dermatologista?

Hospital Pequeno Príncipe destaca quais são as doenças de pele mais comuns e os cuidados desde a infância
08/02/2024

Serviço de Gastroenterologia do Pequeno Príncipe completa 30 anos

A especialidade da instituição é considerada a mais importante do Paraná e uma das principais do país na área da pediatria
07/02/2024

Dicas para facilitar a mudança de escola de crianças e adolescentes

Ao seguir estas estratégias, os pais podem desempenhar um papel crucial no apoio emocional e na facilitação da adaptação de seus filhos
01/02/2024

Presidente da Representação Central Ucraniano-Brasileira visita Pequeno Príncipe

Vitório Sorotiuk agradeceu as ações humanitárias realizadas pelo Hospital
Ver mais