Artilheiros de jogos escolares recebem medalhas do Gols pela Vida - Hospital Pequeno Príncipe

Notícias

Artilheiros de jogos escolares recebem medalhas do Gols pela Vida

Alunos que participaram do torneio Bom de Bola receberam o prêmio e certificados assinados por Pelé, o Rei do Futebol
06/11/2013
Crédito: Secretaria de Estado do Esporte
Crédito: Secretaria de Estado do Esporte

Alunos que participaram dos Jogos Escolares Bom de Bola receberam recentemente uma premiação muito especial. Em uma parceria do Instituto de Pesquisa Pelé Pequeno Príncipe e da Secretaria de Estado do Esporte, os artilheiros da fase final da edição de 2012 da competição, e suas respectivas escolas, foram agraciados com medalhas do programa Gols pela Vida e certificados assinados pelo Rei do Futebol, Edson Arantes do Nascimento, o Pelé.

Foram premiados Anderson Rodrigo Campo da Silva, da Escola Estadual Graciliano Ramos, de Santa Helena; Andressa dos Santos Soares, do Colégio Estadual Conselheiro Carrão, de Assaí; Bruna Carolina Santana da Silva, do Colégio COC Semeador, de Foz do Iguaçu, e Bruno Fontana Escarati, do Colégio Estadual Monteiro Lobato, de Colorado.

Os Jogos Escolares Bom de Bola são realizados pelo governo do Paraná e envolvem jovens atletas de diversas cidades do Estado no torneio de futebol. A edição de 2013 do Bom de Bola está em andamento, na fase macrorregional. As disputas estão sendo realizadas nos municípios de Assis Chateaubriand, Balsa Nova, Marilândia do Sul, Marmeleiro, Pitanga, Porto Rico, Rio Azul e Santana do Itararé.

Sobre o Gols pela Vida
O Gols pela Vida é um programa que visa captar recursos que subsidiam as atividades do Instituto de Pesquisa Pelé Pequeno Príncipe, cujo objetivo é diminuir a mortalidade infantil por meio de pesquisas de novos métodos e produtos para diagnósticos. Uma das formas de captação é o Projeto Medalhas, para o qual foram produzidas 1.283 medalhas exclusivas nas versões ouro, prata e bronze, uma para cada gol que Pelé fez na sua carreira.

As medalhas foram feitas pela Casa da Moeda do Brasil e são vendidas por R$ 3.000 (ouro), R$ 1.500 (prata) e R$ 700 (bronze). Os valores arrecadados são revertidos integralmente para o Instituto de Pesquisa.

+ Notícias

13/07/2024

ECA: ampliação de leis fortalece proteção contra violência

Entre as atualizações, está a inclusão de bullying e cyberbullying no Código Penal. Neste Dia do ECA, o Hospital Pequeno Príncipe chama a atenção para dados alarmantes destes tipos de violências
10/07/2024

Por que é importante não reprimir o choro?

Hospital Pequeno Príncipe dá dicas de como criar um ambiente seguro e acolhedor para crianças e adolescentes expressarem as emoções
09/07/2024

Sessão de cinema diverte pacientes da hemodiálise

Crianças e adolescentes atendidos no Hospital Pequeno Príncipe saíram do espaço com o coração aquecido e memórias inesquecíveis
08/07/2024

Nota de solidariedade ao hospital pediátrico bombardeado em Kiev

Pequeno Príncipe manifesta a dor pela violência cometida contra pessoas inocentes, dentre elas crianças doentes e hospitalizadas
04/07/2024

Tratamento de efluentes: Hospital e Sanepar assinam parceria

Iniciativa pioneira no país vai testar diferentes maneiras de reduzir antibióticos e combater o surgimento de superbactérias no esgoto hospitalar
03/07/2024

Como o celular e as redes sociais afetam os adolescentes?

Hospital Pequeno Príncipe dá dicas sobre como promover a utilização equilibrada e responsável dessas tecnologias
Ver mais