Alimentos saudáveis: a importância da inserção nos primeiros mil dias

Notícias

A importância da inserção de alimentos saudáveis nos primeiros mil dias

A adoção de bons hábitos nessa fase da vida serve como um modelo para o futuro adulto
31/03/2022
alimentos saudáveis
Em cada fase da vida (enquanto criança, adolescente, adulto ou idoso), o ser humano possui diferentes necessidades nutricionais.

 

Uma dieta equilibrada durante a gestação, associada ao aleitamento materno e à correta introdução de alimentos, é o que garante uma alimentação apropriada para os mil dias – período que compreende a gestação até o segundo ano –, aponta a Organização Mundial da Saúde (OMS). É nessa fase que as células cerebrais podem fazer até mil novas conexões a cada segundo, em uma velocidade única na vida, de acordo com o Fundo das Nações Unidas para a Infância (Unicef).

O Dia da Saúde e Nutrição, celebrado em 31 de março, reforça a importância de um olhar cuidadoso para a alimentação desde a primeiríssima infância, pois é no início da vida que há formação, crescimento e desenvolvimento celular, com as informações genéticas gerenciadas. “Estudos apontam que uma boa nutrição e o cuidado com a saúde nos primeiros mil dias têm um papel protetor e servem como um modelo saudável para o resto da vida, auxiliando também na prevenção de diversas doenças”, pontua a nutricionista Maria Emília Suplicy, do Hospital Pequeno Príncipe.

aleitamento materno
É importante que o aleitamento materno – por meio de amamentação ou fórmulas infantis – seja exclusivo até os 6 meses.

A boa prática da alimentação inicia na gestação, seguindo pelo nascimento, com o aleitamento materno exclusivo até os 6 meses. Após essa idade, a especialista sugere a preferência por alimentos naturais. “Frutas, verduras, legumes, carnes e cereais podem ser consumidos. Vale destacar que a introdução alimentar precisa ocorrer seguindo a indicação do pediatra da criança”, diz a nutricionista. “E priorizar o consumo de água, ao invés de sucos e qualquer outra bebida, também é muito importante”, completa.

Em cada fase da vida (enquanto criança, adolescente, adulto ou idoso), o ser humano possui diferentes necessidades nutricionais. Entretanto, alguns alimentos devem ser evitados independentemente da idade. “Processados, ultraprocessados, frituras e excesso de sal e açúcar não fazem bem para a saúde. Na infância, é ainda mais delicado oferecer esses alimentos, pois é nessa fase que criamos os bons hábitos. E o ideal é oferecer opções saudáveis para criar boas memórias alimentares”, destaca.

Restrições de alimentos

Após os dois primeiros anos de vida, muitas famílias têm dúvidas sobre a alimentação dos pequenos e restrições. Segundo a nutricionista Maria Emília Suplicy, do Hospital Pequeno Príncipe, cabe aos pais e responsáveis continuar incentivando uma alimentação saudável, com o consumo de produtos in natura.

Suporte Nutricional

O Serviço de Suporte Nutricional do Hospital Pequeno Príncipe atua preventivamente junto às crianças e aos adolescentes em risco nutricional, presta suporte aos pacientes com doenças crônicas internados e nos ambulatórios especializados, e trata os meninos e meninas com desnutrição já instalada. Também realiza atendimentos diários a pacientes com dieta especializada, terapia enteral e parenteral. A equipe é multiprofissional, formada por médicas, nutricionistas e uma enfermeira.

Acompanhe os conteúdos também nas redes sociais do Pequeno Príncipe e fique por dentro de informações de qualidade – Facebook, InstagramTwitterLinkedInYouTube

+ Notícias

01/02/2023

Volta às aulas e a imunização de crianças e adolescentes

As medidas de higiene das mãos, etiqueta ao tossir e uso de máscara também auxiliam a evitar a disseminação de doenças
27/01/2023

Hanseníase: atenção aos sinais e sintomas auxilia diagnóstico

Neste Dia Mundial de Combate à Hanseníase, o Hospital Pequeno Príncipe reforça a importância de se buscar os serviços de saúde logo no aparecimento dos primeiros sinais e lembra que a doença tem cura
25/01/2023

Gastrosquise: diagnóstico é possível pelo ultrassom na gestação

O Hospital Pequeno Príncipe é referência no tratamento cirúrgico da doença, que é uma malformação rara da parede abdominal ocasionada ainda na formação do feto
23/01/2023

Saiba tudo sobre viroses em crianças

Hospital Pequeno Príncipe chama atenção de famílias para quadros virais comuns durante o verão
20/01/2023

Como cuidar da saúde mental na infância e adolescência?

O Hospital Pequeno Príncipe chama atenção para o tema e sugere atitudes de pais e responsáveis para contribuir com seus filhos
18/01/2023

Centro de Reabilitação e Convivência Pequeno Príncipe atende de forma integral crianças e adolescentes com deficiência

A unidade conta com laboratório de marcha, parque adaptado e sala de realidade virtual
Ver mais