80 anos do livro O Pequeno Príncipe

Notícias

80 anos do livro O Pequeno Príncipe

Obra literária mais famosa do planeta inspirou o nome do maior hospital exclusivamente pediátrico do país
06/04/2023
80 anos livro O Pequeno Príncipe
A obra inspira o nome do maior hospital exclusivamente pediátrico do país, o Pequeno Príncipe.

 

“Foi o tempo que dedicaste à tua rosa que a fez tão importante.” Difícil quem lê essa frase e não se lembre da obra que se tornou um ícone mundial – Le Petit Prince, O Pequeno Príncipe. O livro escrito pelo aviador francês Antoine de Saint-Exupéry foi lançado há 80 anos, em 6 de abril de 1943, e traduzido para mais de 250 idiomas.

A obra, que conquistou o coração de milhões de pessoas do planeta e é uma das mais famosas da história da literatura, inspira o nome do maior hospital exclusivamente pediátrico do país, o Pequeno Príncipe.

Ao representar a infância e simbolizar sentimentos de amor e esperança, a história literária se conecta com um dos princípios do Hospital, o amor à criança. O amor que move a instituição a ser um dos melhores lugares do mundo para receber e multiplicar cuidados em saúde de crianças e adolescentes.

Dona Ety
Ety Gonçalves Forte proporcionou novo olhar para a saúde infantojuvenil.

Surgimento do Hospital Pequeno Príncipe, com um novo olhar

A semente do Hospital Pequeno Príncipe foi lançada em 1966, quando Ety Gonçalves Forte assumiu voluntariamente a presidência da Associação de Proteção à Infância Dr. Raul Carneiro, que contava com o Hospital de Crianças César Pernetta.

A artista plástica e ceramista foi profundamente tocada pela realidade do local, que enfrentava muitas dificuldades em virtude da falta de recursos. Sua chegada na instituição representou um novo olhar para a saúde infantojuvenil, marcado pelo cuidado integral, digno e humanizado.

O passar dos anos e as histórias vividas ensinaram à Dona Ety, como é carinhosamente chamada, que todo ser humano merece ser tratado com o que se tem de melhor e é esse sentimento que passa a nortear a trajetória da instituição e que é evidenciado no livro de Saint Exupéry.

Em 1971, com a inauguração de um novo prédio criado a partir de um projeto arquitetônico inédito totalmente voltado para o atendimento infantil, de Luiz Forte Netto – marido de Dona Ety – surge o Hospital Pequeno Príncipe, pois para ela, todas as crianças têm o direito de ser cuidadas como princesas e príncipes.

Acompanhe os conteúdos também nas redes sociais do Pequeno Príncipe e fique por dentro de informações de qualidade – Facebook, Instagram, Twitter, LinkedIn e YouTube.

+ Notícias

22/05/2024

Qual é a importância do vínculo afetivo na Primeiríssima Infância?

A ligação entre a criança e seus cuidadores se estabelece ainda na gravidez e se estende por um longo caminho após o nascimento
18/05/2024

Aumentam registros de violência contra crianças e adolescentes

Nas últimas duas décadas, foram mais de nove mil pacientes atendidos no Hospital Pequeno Príncipe por maus-tratos; violência sexual predomina
17/05/2024

Pequeno Príncipe mobilizado pelo Rio Grande do Sul

Iniciativas vão desde teleconsultas a crianças e adolescentes em parceria com hospital gaúcho até mobilização de profissionais
15/05/2024

Como falar sobre as enchentes com as crianças?

Hospital Pequeno Príncipe destaca a importância de agir com sensibilidade e estar atento aos sinais de sofrimento manifestados pelos pequenos
13/05/2024

É normal a criança ter amigos imaginários?

A criação desses personagens é comum no desenvolvimento infantil, mas veja alguns sinais que indicam atenção a essa prática
09/05/2024

Ministra da Saúde visita área onde será o Pequeno Príncipe Norte

Nísia Trindade de Lima destacou a importância do projeto e da instituição para a saúde infantil do país
Ver mais