Fique atento: Declaração de Vacinação é obrigatória para matrículas nas redes pública e partícular de ensino do Paraná - Hospital Pequeno Príncipe

Notícias

Fique atento: Declaração de Vacinação é obrigatória para matrículas nas redes pública e partícular de ensino do Paraná

A medida, determinada pela Lei Estadual 19.534/18, já é válida para o processo de rematrícula nos colégios estaduais, que tem início no dia 19 de novembro
08/11/2018

Pais e responsáveis devem ficar atentos: com a aprovação da Lei Estadual 19.534/18, estudantes menores de 18 anos, das redes pública e particular do Paraná, precisam apresentar – para matrícula ou rematrícula – cópia e original da Declaração de Vacinação. O documento, que será emitido por um profissional da área de saúde, deve atestar que o aluno está em dia com as vacinas consideradas obrigatórias.

De acordo com o secretário de Estado da Saúde, Antônio Carlos Nardi, a lei garante a imunização, principalmente das crianças, que necessitam ser levadas pelos pais ou responsáveis para serem vacinadas. “A vacinação é fundamental no combate às doenças. Ao longo da história, as vacinas já ajudaram a reduzir a incidência da poliomielite, sarampo e tétano. Não podemos esperar a população adoecer para agirmos”, afirma.

Para mais informações, consulte a Instrução Normativa Conjunta n.º 01/2018 – Seed/Sesa.

Confira o cronograma completo da Secretaria de Estado da Educação do Paraná
Rematrículas
7.º a 9.º ano do ensino fundamental
2.ª e 3.ª série do ensino médio
De 19 a 30 de novembro
Matrículas Iniciais
6.º ano do ensino fundamental e 1.ª série do ensino médio
De 3 a 7 de dezembro
Cadastro de Espera de Vaga Escolar (Ceve)
A partir de 10 de dezembro
Convocação para matrículas a partir de janeiro de 2019

+ Notícias

08/08/2022

Colesterol pode ser prevenido com consumo de alimentos saudáveis

O Hospital Pequeno Príncipe ressalta a importância da adoção de bons hábitos para melhor qualidade de vida desde a infância
05/08/2022

Cirurgia de correção de malformação rara é realizada no Pequeno Príncipe

A reparação da extrofia de cloaca foi feita com a técnica de Kelley, considerada inovadora
04/08/2022

Cientistas estão desenvolvendo gel bucal para tratar mucosite

Principal reação adversa da quimioterapia, a mucosite oral causa intensa dor e pode ser porta de entrada para outras infecções
02/08/2022

Doenças raras é tema de mesa-redonda organizada pelo Pequeno Príncipe

A iniciativa fez parte da programação da 74.ª reunião anual da Sociedade Brasileira para o Progresso da Ciência (SBPC)
01/08/2022

Aleitamento materno favorece desenvolvimento da inteligência e estrutura da face

Especialistas do Hospital Pequeno Príncipe explicam ligação entre o neurodesenvolvimento e o crescimento ósseo adequado da face
28/07/2022

Hepatites A e B podem ser prevenidas por meio da vacinação

O Centro de Vacinas Pequeno Príncipe disponibiliza imunizantes contra essas duas formas da doença, que ocorrem de forma endêmica no Brasil
Ver mais