No Dia da Árvore, "Araucarilândia" é lançado no Museu Paranaense - Hospital Pequeno Príncipe

Notícias

No Dia da Árvore, "Araucarilândia" é lançado no Museu Paranaense

Aproximadamente 150 convidados prestigiaram o evento que faz parte das comemorações dos 138 anos do Museu Paranaense
22/09/2014

No domingo, 21, o Museu Paranaense recebeu o lançamento de “Araucarilândia”, uma reedição do livro do botânico brasileiro Frederuci Carlos Hoehne com um texto de apresentação de autoria de José Álvaro da Silva Carneiro, ambientalista e diretor-corporativo do Complexo Pequeno Príncipe. 

O lançamento foi realizado no Dia da Árvore e integrou as comemorações de 138 anos do museu. Aproximadamente 150 pessoas participaram do evento e levaram cópias autografadas de “Araucarilândia”. O evento foi prestigiado pelo alpinista Waldemar Niclewicz, que lançará seu livro – “A história do alpinista que se dedicou a colocar o Brasil no topo do mundo” – na próxima quinta-feira, dia 25, às 19h, na Livraria da Vila, no Pátio Batel. Waldemar, amigo de longas escaladas de José Álvaro, surpreendeu presenteando-o em primeira mão com a publicação que lançará.

Originalmente publicada em 1930, a obra diz respeito à proteção da natureza e ao uso racional dos recursos naturais. O autor usa como base para a publicação os relatos de viagem realizada por ele em 1928 pelos estados do Paraná e de Santa Catarina. Na ocasião, o pesquisador liderou uma expe­dição que percorreu a região de matas em que se percebia a existência da araucária e registrou com detalhes a beleza da paisa­gem, a diversidade da flora e a exploração madeireira.

Lancamento_Araucarilandia_21_09_2014 (70)

Hoehne foi um pioneiro no tema da sustentabilidade entre os cientistas brasileiros do século 20 e contribuiu para a emergência de uma consciência ambientalista no Brasil. A sua abordagem combinava argumentos científicos com apelos estéticos, além de difundir a percepção de que a natureza deveria desempenhar um papel importante na constituição da identidade nacional brasileira.

Como parte do lançamento, oficinas de jardinagem e biodiversidade foram realizadas no Hospital Pequeno Príncipe em semanas anteriores. Trazer a obra para o Hospital significa compartilhar com dezenas de meninos e meninas a importância de se preservar a natureza e fazer dela instrumento para uma rotina saudável. “Importante trazermos para as nossas crianças um pouco da nossa memória e do significado do bioma ‘araucária’, um símbolo paranaense, altamente relacionado com a nossa história e tradições”, afirma José Álvaro da Silva Carneiro.

A reedição de livros históricos é fundamental, pois traz o resgate de informações valiosas que a nossa população merece conhecer”, explica Carneiro, um entusiasta das questões ambientais. De acordo com ele, “obras raras, sem edição há muito tempo, cujos exemplares em edição antiga se perderam, são perpetuadas com a reedição”.

Estudantes e pesquisadores serão beneficiados com o projeto, que teve o patrocínio da Atlas. Haverá distribuição gratuita de exemplares para as bibliotecas públicas de todos os estados brasileiros. Os números restantes serão encaminhados ao Projeto Biblioteca Cidadã, da Secretaria de Estado da Cultura do Paraná, que distribui livros para as bibliotecas dos municípios paranaenses.

“Araucarilândia” foi viabilizado por meio de Lei Rouanet e patrocinado pela empresa Atlas Copco Brasil Ltda.

+ Notícias

29/11/2022

Dia de Doar: renúncia fiscal tem potencial de arrecadar até R$ 8 bilhões

Data criada há 20 anos nos Estados Unidos pretende fortalecer cultura de doações no Brasil. Doações via Imposto de Renda podem ser feitas até dia 29 de dezembro
25/11/2022

Hemodinâmica: cateterismo evita cirurgias de grande porte em neonatos

O serviço do Hospital Pequeno Príncipe é referência nacional em pediatria e, em 2021, realizou 297 cateterismos
24/11/2022

Pequeno Príncipe vence o Prêmio Líderes Regionais Paraná 2022

A instituição foi premiada na categoria ESG – Responsabilidade Social. O reconhecimento destaca empresas, organizações e empresários que contribuíram para o desenvolvimento do estado
23/11/2022

Câncer pediátrico: diagnóstico precoce pode salvar até 84% dos pacientes

Referência nacional no tratamento de doenças onco-hematológicas há meio século, Hospital Pequeno Príncipe alerta sobre sintomas
21/11/2022

Pequeno Príncipe atua na prevenção da resistência aos antimicrobianos

A Organização Mundial da Saúde (OMS) estima que 1,3 milhão de pessoas morram a cada ano devido aos efeitos dessa resistência  
20/11/2022

Dia Mundial da Criança chama atenção à defesa de direitos

Em sua trajetória centenária, o Hospital Pequeno Príncipe desenvolve uma série de iniciativas em favor da proteção integral de meninos e meninas  
Ver mais