Importância do brincar para criança hospitalizada é tema de palestra

Notícias

Importância do brincar para criança hospitalizada é tema de palestra

Profissionais do Pequeno Príncipe apresentaram o assunto a voluntários da BP - A Beneficência Portuguesa de São Paulo
03/05/2022
importância do brincar
Na palestra, foram apresentados diferentes ambientes e formatos de brincadeiras, que são realizados nos pátios, ambulatórios, enfermarias e brinquedotecas.

 

Brincar é muito importante para o desenvolvimento do ser humano, além de favorecer a saúde física e mental. E é por isso que o Pequeno Príncipe garante esse direito fundamental para os pacientes hospitalizados. Para abrir o mês em que se celebra o Dia Mundial do Brincar, a instituição realizou uma palestra sobre esse assunto aos voluntários da pediatria da BP – A Beneficência Portuguesa de São Paulo.

O objetivo da palestra foi introduzir questões relativas ao brincar e sua importância para a criança hospitalizada. No encontro, conduzido pelas psicólogas Rita de Cássia Cersosimo Lous e Grazieli Fonseca, que atuam no Setor de Voluntariado do Pequeno Príncipe, foram abordados os fundamentos do brincar, a importância do voluntariado nessa função e como funciona a prática de brincadeiras no Hospital.

“É muito importante que possamos disseminar o conhecimento e a experiência do nosso Hospital com o brincar e com o trabalho voluntário, bem como poder compartilhar o que fundamenta o brincar, para que essas ideias possam suscitar questões que mobilizem os voluntários a buscar novos conhecimentos que auxiliem na prática do seu trabalho”, pontuou a gerente do Setor de Voluntariado, Rita de Cássia Cersosimo Lous, do Hospital Pequeno Príncipe.

O momento foi também de compartilhamento de histórias da repercussão positiva do brincar com os voluntários, que é vivenciada em diferentes ambientes e formatos. “Pudemos reafirmar a importância que o trabalho voluntário tem nas instituições, principalmente neste momento de pandemia, em que muitas instituições tiveram que suspender as atividades e, agora, se organizam para receber novamente seus voluntários. A presença e interação dos voluntários com os pacientes produzem riso, alegria, e envolvem tanto a criança quanto seu familiar, desempenhando um importante papel na humanização hospitalar”, completa a orientadora do Setor de Voluntariado, Grazieli Fonseca, do Hospital Pequeno Príncipe.

palestra brincar
O Pequeno Príncipe realizou a palestra sobre a importância do brincar aos voluntários da BP – A Beneficência Portuguesa de São Paulo.

 

A parceria do Hospital Pequeno Príncipe com a BP – A Beneficência Portuguesa de São Paulo surgiu no primeiro ano da pandemia, em 2020, quando a instituição também foi convidada para o Café Virtual, junto a outros hospitais de São Paulo.

Acompanhe os conteúdos também nas redes sociais do Pequeno Príncipe e fique por dentro de informações de qualidade – Facebook, InstagramTwitterLinkedInYouTube

+ Notícias

08/02/2023

Gravidez na adolescência: a prevenção começa com educação e diálogo

Um ambiente acolhedor e de confiança é fundamental para o desenvolvimento saudável de meninos e meninas  
07/02/2023

Nota de pesar pelo falecimento do pediatra Danilo Cerqueira Leite Junior

O médico, com mais de 50 de formação, atuou no Pequeno Príncipe e contribuiu com cuidados a milhares de crianças e adolescentes que passaram pelo Hospital nas últimas décadas
06/02/2023

ALTA COMPLEXIDADE | Serviço de Cirurgia Vascular

O Hospital Pequeno Príncipe tem equipe especializada no tratamento de doenças do sistema circulatório em crianças e adolescentes
03/02/2023

Gravidez na adolescência: quais são os riscos?

A gestação nessa fase, que compreende dos 10 aos 19 anos, gera uma série de consequências para a vida da mãe e do bebê
01/02/2023

Volta às aulas e a imunização de crianças e adolescentes

As medidas de higiene das mãos, etiqueta ao tossir e uso de máscara também auxiliam a evitar a disseminação de doenças
27/01/2023

Hanseníase: atenção aos sinais e sintomas auxilia diagnóstico

Neste Dia Mundial de Combate à Hanseníase, o Hospital Pequeno Príncipe reforça a importância de se buscar os serviços de saúde logo no aparecimento dos primeiros sinais e lembra que a doença tem cura
Ver mais