Revista “Sorria – Para Ser Feliz Agora” beneficia o Programa Appam do Hospital Pequeno Príncipe

A publicação, da Editora MOL, destina recursos ao GRAAC, de São Paulo, e a outras 10 instituições

O Programa de Apoio, Proteção e Assistência às Crianças e Adolescentes com Mielomeningocele (Programa Appam) – Centro de Reabilitação e Convivência do Hospital Pequeno Príncipe é uma das 10 instituições que passam a ser beneficiadas com a venda da revista “Sorria – Para Ser Feliz Agora” , da Editora MOL, comercializada nas lojas da Droga Raia e também na internet (acesse agora http://bit.ly/appam_peqprincipe). Desta forma, 50% das doações são destinadas ao GRAACC, de São Paulo, e os outros 50% às demais entidades, que se dedicam a ampliar o acesso gratuito a serviços de saúde.

Caso a previsão total de doações deste ano se cumpra, o GRAACC receberá cerca de    R$ 1,2 milhão, e cada nova ONG contará com R$ 120 mil. O processo de seleção das 10 instituições durou cerca de seis meses, desde a abertura do Edital CUIDAR+, em março, até a validação das selecionadas por executivos da Editora MOL e da Droga Raia, em setembro.

Com os recursos obtidos com a publicação, o Programa Appam vai adquirir equipamentos para um parque sensorial. No espaço serão realizadas sessões de terapia ocupacional.

Processo

No total, foram analisadas 193 ONGs, que cumpriram os requisitos e o prazo de inscrição. Mais de 100 cidades contaram com representantes no edital, com destaque para as das regiões Sul e Sudeste, que responderam por 81% das inscrições. Os focos de atuação também foram diversos, com prevalência de organizações dedicadas à reabilitação de pessoas com deficiência.

Todas as ONGs avaliadas receberam notas de três avaliadores e as que obtiveram maior média passaram para a apreciação de um trio de especialistas em saúde e impacto social. Esse grupo considerou não só o histórico e o foco de atuação dos finalistas, como também as propostas de aplicação dos recursos a serem doados.

O resultado final, portanto, é o produto de avaliações objetivas e subjetivas, sempre focadas na missão de promover saúde e bem-estar para que as pessoas vivam mais e melhor – que é o lema do Programa CUIDAR+, desenvolvido pela Droga Raia e endossado pela Editora MOL na produção da “Sorria – Para Ser Feliz Agora”.

O Programa Appam

Em 2013, o Programa Appam foi incorporado  à Associação Hospitalar de Proteção à Infância Dr. Raul Carneiro, mantenedora do Hospital Pequeno Príncipe. A iniciativa se destaca por oferecer, gratuitamente, todos os atendimentos necessários às crianças e adolescentes diagnosticados com mielomeningocele: sessões de fisioterapia, hidroterapia, psicologia, além de acompanhamento e orientação de assistente social para os  pacientes e família.

Em 2017, o Programa Appam foi responsável por 1.807 sessões de fisioterapia. Fora isso, houve a distribuição de 222 cestas básicas, além de 488 atendimentos sociais, 328 atendimentos da psicologia e o fornecimento de 717 kits de materiais hospitalares para apoio ao tratamento das crianças e adolescentes.

+ Parcerias

Faça sua doação