Gols Pela Vida, Hospital

Tradicionais sambistas cariocas visitam o Hospital Pequeno Príncipe

Velha Guarda Show, da Escola de Samba Império Serrano, encantou pacientes e familiares com uma apresentação especial e muita simpatia

Música e sorrisos fizeram parte da visita da Velha Guarda Show, da Escola de Samba Império Serrano, no Hospital Pequeno Príncipe nesta sexta-feira, dia 17. O grupo tocou e cantou por toda instituição, distribuindo alegria e revelando que pacientes, familiares e colaboradores têm muito samba no pé.

O grupo de samba existe há 20 anos e é uma das mais tradicionais escolas da cidade do Rio de Janeiro. A visita foi motivo de emoção e gratidão para integrantes da escola. “Estar aqui traz felicidade e muita emoção. Gostaria que todos os famosos e a população pudessem vir visitar e ver o amor que paira no ar aqui. Estar aqui dentro é ver amor, felicidade e viver. Sim, aqui há muita vida! Enquanto há esperança, há vida”, disse o músico Cizinho.

Os músicos, que estiveram pela segunda vez na instituição, continuaram encantados com o que viram. “Estar aqui é como se eu tivesse ganho o maior cachê de todos os meus shows. O lugar é tão bem cuidado e transmite muito bem. Entrei e vou sair com a alma renovada”, falou o mestre de bateria Silvio Manoel.

Com direito a muitos pedidos de bis, os sambistas, que também compartilharam o pandeiro com o público, ressaltaram a importância da visita. “É um momento importante que nos fortalece como seres humanos. Aqui é exemplo do que é carinho e amor”, afirmou o cantor Nilson Kanema.

+ Notícias

Faça sua doação