Complexo, Hospital

“Pipocas de Histórias – Teatro de Lã” traz cultura com momentos de alegria aos pacientes do Pequeno Príncipe

O projeto vai realizar 48 performances cênicas e contação de histórias por toda a instituição

 

As aventuras da boneca de piche tomaram conta dos ambulatórios, corredores e quartos do Hospital Pequeno Príncipe nesta quarta-feira, dia 3. A ação faz parte do projeto “Pipocas de Histórias – Teatro de Lã”, que muda a rotina dos pacientes, acompanhantes e colaboradores com diferentes performances.

Acompanhado de um carrinho, o Grupo Malasartes desperta a criatividade, insere a cultura e também provoca muitos sorrisos nas crianças. Em seu trajeto, a atividade oferece histórias que estimulam a imaginação.

A escolha da temática não foi por acaso. “Por conta da expressividade da lã e de sua importância no dia a dia, queremos mostrar que é possível contar uma história baseada nela, mostrando qual a sua relevância”, comenta o produtor e diretor do Grupo Malasartes e responsável pela dramaturgia do projeto, Carlos Luís Teixeira.

Por meio de apresentações teatrais e musicais, os pacientes são levados para uma viagem fantástica por culturas diferentes. As atividades resultam em uma troca de experiências com direito a sorrisos, olhares curiosos, carinho e amor. “É muito gostoso e gratificante estar aqui. Não enxergamos a doença nas crianças. Apesar de termos todo o cuidado com elas, conseguimos deixar o branco do Hospital mais neutro e fazemos com que elas esqueçam do contexto em que se encontram, percebemos isso no sorriso”, pontuou a artista, arte educadora e contadora de histórias, Adriana Havro da Silva.

Sobre o projeto “Pipocas de Histórias – Teatro de Lã”
Viabilizado pelo Ministério da Cultura por meio da Lei Rouanet de Incentivo à Cultura, o projeto “Pipocas de Histórias – Teatro de Lã” tem como patrocinadores as empresas Banco CNH Capital, Eletrofrio, Vaccinar, BHS Corrugated, PASA Paraná Operações Portuárias, Sistechne, RB Capital, Allflex, Elejor, Esucri, Koltun & Colatusso, Ouro Frio, Platinox e Rodriaço.

 

+ Notícias

Faça sua doação