Complexo, Hospital

Programa Appam promove ação especial de Dia das Mães

Com hidratação facial, maquiagens e um delicioso lanche preparado pelos pacientes às suas heroínas, o evento contou ainda com a inauguração do “Espaço Família”

Pacientes atendidos pelo Programa Appam preparam lanche especial para as mães.

O Dia das Mães do Programa de Apoio, Proteção e Assistência às Crianças e Adolescentes com Mielomeningocele – Programa Appam foi muito especial. Na tarde de sexta-feira, dia 11, os pacientes atendidos pelo projeto prepararam um delicioso lanche em homenagem às suas heroínas, enquanto elas eram presenteadas com hidratação facial e maquiagem.

As mães dos pacientes atendidos pelo Programa Appam aproveitaram a tarde para cuidarem de si.

A ação de beleza contou com a participação da consultora da Mary Kay, Adriana Dalcomuni, que pela segunda vez se voluntariou. “O que mais me chamou a atenção é que as mães não têm esse tempo para si, por estarem tão engajadas no tratamento dos filhos. Por isso, elas se sentiram muito valorizadas e isso melhorou a autoestima. Para mim, é extremamente gratificante”, enfatizou.

Além da atividade, as mães foram surpreendidas por um lanche preparado pelos filhos. “Sinto que a gente precisa mesmo de momentos como esse. Cuidar de nós mesmas, integrar com outras mães e ter esse tempo descontraído com os filhos é muito importante. Todos do Programa Appam são minha segunda família”, comentou Juliana de Jesus, mãe do paciente Felipe de Jesus, de 13 anos.

Inauguração do “Espaço Família”

A ação em alusão ao Dia das Mães ganhou destaque com a inauguração do “Espaço Família”, com sofás, televisão, livros, computador e banheiro próprio. A ideia é que seja um espaço de descanso para os familiares, enquanto aguardam o atendimento dos filhos. A proposta busca promover mais autonomia para a criança e melhorar ainda mais a qualidade de atendimento.

“Adorei a organização desse espaço novo, é muito agradável. Ótimo para que a gente relaxe. Desde que minha filha nasceu, ela é atendida aqui. Buscamos o desenvolvimento e independência dela. Por isso, tenho certeza que a autonomia no atendimento só trará ainda mais benefícios para todos nós”, destacou Tânia Oliveira, mãe da paciente  Natally Aparecida, de 7 anos.

Sobre o Programa Appam

O Programa de Apoio, Proteção e Assistência às Crianças e Adolescentes com Mielomeningocele – Programa Appam faz parte do Pequeno Príncipe. No Paraná, é considerado uma referência, já que fornece fisioterapia e hidroterapia, além das atividades de orientação, acompanhamento e assistência. Em 2016, foram 1.807 sessões de fisioterapia. Fora isso, houve a distribuição de mais de 220 cestas básicas, além de 488 atendimentos sociais, 328 atendimentos da psicologia e o fornecimento de 717 kits de materiais hospitalares para apoio ao tratamento das crianças e adolescentes.

 

+ Notícias

Mitos e verdades: gripe

A vacina gratuita está disponível nas Unidades Básicas de Saúde até o dia 1.º de junho. Crianças a partir de seis meses até cinco anos estão no grupo prioritário

Faça sua doação