Complexo, Hospital

Dia Mundial de Higiene das Mãos: a prevenção salva vidas

Neste 5 de maio, o Hospital Pequeno Príncipe reforça que com cuidados simples é possível reduzir em até 50% a incidência de doenças e infecções

Higiene correta das mãos é tema discutido constantemente no Hospital Pequeno Príncipe

A prática da higienização das mãos é tão importante que foi adotada pela Organização Mundial da Saúde (OMS) como uma bandeira de combate à infecção hospitalar. Neste Dia Mundial de Higiene das Mãos, lembrado em 5 de maio, o tema é: “Está nas suas mãos: previna a Sepse nos cuidados de saúde”. O Hospital Pequeno Príncipe reforça a importância dessa atitude, que pode reduzir em até 50% a incidência de doenças como diarreia, resfriados e conjuntivite, além da Sepse – infecção generalizada que afeta mais de 30 milhões de pacientes no mundo.

“Em 1 hora, você toca em média 15 vezes no seu rosto, levando contaminação sem perceber. Além de se autocontaminar, corre o risco de contaminar os outros. Por isso, reforçamos que com a higiene correta, nos momentos certos, a saúde está mais segura”, enfatizou a médica e coordenadora do Serviço de Epidemiologia e Controle de Infecção Hospitalar (SECIH) do Hospital Pequeno Príncipe, Heloisa Giamberardino, que, junto com a equipe, ressalta constantemente a importância da correta higienização das mãos entre profissionais da saúde, colaboradores, acompanhantes de pacientes e visitantes.

Profissionais do Pequeno Príncipe participam de ação interativa sobre a correta higiene das mãos.

Em alusão à data, a equipe preparou um quiz sobre higiene das mãos para os profissionais de enfermagem da instituição. Cada setor foi estimulado a participar, respondendo 10 questões sobre o assunto. No dia 15 de maio, data que marca o Dia Nacional do Controle de Infecção Hospitalar, aqueles setores que obtiverem a nota máxima serão homenageados.  “A ideia é relembrar a importância deste ato que pode salvar vidas de uma maneira interativa, envolvendo a maior parte dos colaboradores da assistência”, ressaltou a médica.

Além dos profissionais da saúde, a instituição enfatiza também a importância da higiene das mãos entre os demais colaboradores, acompanhantes de pacientes e visitantes nos cinco momentos (conforme imagem abaixo) e ao iniciar o turno de trabalho; antes das refeições; após tossir ou espirrar; após ir ao banheiro; antes do preparo de alimentos; e após realizar a limpeza do ambiente.

+ Notícias

Faça sua doação