DSC_0052

Complexo, Hospital

Cortella ministra palestra voluntária aos colaboradores do Pequeno Príncipe

O filósofo abordou temas como o amor ao próximo e a capacidade de fazer sempre o melhor em detrimento do que é apenas possível

DSC_0022Acomodar-se, para Mário Sérgio Cortella, não é uma opção. O filósofo paranaense, doutor em Educação, professor e autor de mais de 15 livros, debateu sobre o tema em uma palestra voluntária para os diretores e colaboradores do Complexo Pequeno Príncipe. O bate-papo “Da Oportunidade ao Êxito – Mudar é Complicado? Acomodar é Perecer!” motivou os participantes para fazer a diferença em suas vidas e no ambiente de trabalho.

Cortella enalteceu aspectos fundamentais para o funcionamento de uma instituição quase centenária. Entre eles o constante amor ao próximo e a capacidade de fazer sempre o melhor em detrimento do que é apenas possível. “A diferença entre o idoso e o velho é que o primeiro tem muita idade e o segundo é conformado. Existem hospitais com 10 anos que são velhos e outros, com quase 100, que nunca se deixaram envelhecer”, explicou.

DSC_0052Para a diretora executiva do Hospital, Ety Cristina Forte Carneiro, a fala do filósofo é muito importante e oportuna para uma organização que está em procura de uma melhoria continuada. “Fica evidente que o momento de mudar para fazer mais e melhor é sempre antes do necessário, e que os resultados são possíveis com o empenho de cada um. Todos nós somos importantes em uma instituição com um círculo virtuoso de qualidade”, afirmou.

Sobre o palestrante

DSC_0036_corteMário Sérgio Cortella é dono de um currículo exemplar. É um dos grandes pensadores brasileiros e um dos palestrantes mais requisitados do país. Filósofo, com Mestrado e Doutorado em Educação, é professor titular da PUC-SP com docência e pesquisa no Departamento de Fundamentos da Educação e da Pós-Graduação em Educação. Também atuou 32 anos no Departamento de Teologia e Ciências da Religião da universidade. Cortella ainda é professor convidado da Fundação Dom Cabral e do GVpec da FGV-SP. Foi Secretário Municipal de Educação de São Paulo (1991-1992) e já escreveu mais de 15 livros, entre eles: A Escola e o Conhecimento: Fundamentos Epistemológicos e Políticos, Nos Labirintos da Moral, Provocações Filosóficas e Não Nascemos Prontos!. Seu mais novo título será o de cidadão paulistano, a ser entregue no dia 19 deste mês.

+ Notícias

Faça sua doação