Notícias

Complexo Pequeno Príncipe lança IV Torneio Gols Pela Vida

O lançamento da quarta edição do Torneio Gols Pela Vida já tem data marcada: 6 de junho, às 18 horas, no Memorial do Coritiba, no Estádio Couto Pereira. Nesse dia serão apresentados os detalhes da competição deste ano e haverá a entrega de fotos e do vídeo para as empresas que participaram da edição de 2012.

Após o evento as inscrições já poderão ser feitas, ficando abertas até 30 de setembro. O congresso técnico da competição e o sorteio das chaves serão realizados no dia 28 de novembro, no Hospital. Já o torneio – promovido pelo Complexo para arrecadar recursos para o Instituto de Pesquisa Pelé Pequeno Príncipe – está marcado para 14 e 15 de dezembro.

No ano passado, oito equipes disputaram a fase classificatória. Dessas, duas se qualificaram para a “Final Fair Play”, que envolveu as mais disciplinadas da competição, e outras duas para a final do torneio. A campeã foi a Parati Alimentos.

Segundo o regulamento do Gols Pela Vida, o time campeão mais o craque de cada uma das demais equipes têm o direito de participar do Jogo dos Ídolos, que reúne atletas e ex-atletas profissionais numa partida festiva. Em 2012, entraram em campo nomes como Alex, Paulo Rink, Tcheco, Ricardinho, Paulo Cézar Caju, Caio Júnior, Lipatin, Rodrigo Batata, Paulo Miranda, Mozart, Alberto, Ney Santos, Magno, Deivid, Marcão e Rogério Correa.

O torneio é realizado pelo Complexo Pequeno Príncipe, com organização da W3 Publicidade, Design & Vídeo e da Worldwide Football, e apoio do Projeto Coritiba Retribui e do Centro de Treinamento Barcelos.

SERVIÇO

Lançamento do IV Torneio Gols Pela Vida

Dia 6 de junho, às 18 horas

Memorial do Coritiba – Estádio Couto Pereira

Rua Ubaldino do Amaral, 37 – Alto da Glória

Complexo Pequeno Príncipe abre inscrições para trainee

O 6° Programa Jovens Talentos, do Complexo Pequeno Príncipe, já tem data marcada para as inscrições: entre 13 de maio e 14 de junho.

Se você é estudante de Marketing, Jornalismo, Publicidade, Relações Públicas, Comunicação Institucional, Economia, Administração e Direito, e tem interesse em participar, inscreva-se pelo link https://docs.google.com/spreadsheet/viewform?fromEmail=true&formkey=dGVKR0N0dnJkVlBBTHR5QkprT2o3QVE6MA.

O Jovens Talentos é um dos únicos programas de trainees desenvolvidos para uma instituição do terceiro setor no Brasil. Entre os pré-requisitos para participar, o graduando deve ter entre 17 e 24 anos, disponibilidade para trabalhar meio período ou em tempo integral, e vontade de aprender. O processo seletivo vai de 17 de junho a 12 de julho.

Durante cinco meses iniciais, os dez aprovados, atuarão no Projeto Gols pela Vida, serão remunerados de acordo com padrões do mercado, e terão uma experiência única nas áreas de negociação e relacionamento com clientes, bem como na busca de investidores e em desenvolvimento de projetos.

Segundo a gerente do Setor de Novos Projetos, Renata Iorio, também há um grande aproveitamento dos trainees nos quadros do Pequeno Príncipe. É comum, ainda, empresas parceiras buscarem profissionais que passam pelo programa. “Formamos um profissional polivalente. É um perfil que agrada muito às empresas”, destaca.

O estágio ainda permite criar uma rede de relacionamento com empresas de diversos segmentos, desenvolver competências e habilidades importantes para todas as carreiras, e ainda aprimorar a negociação e a criatividade.

Pequeno Príncipe oficializa adesão ao Movimento Nacional pela Cidadania e Solidariedade

Associação Eunice Weaver, parceira do Complexo, também oficializou a adesão à iniciativa

O Complexo Pequeno Príncipe oficializou ontem a sua participação no Movimento Nacional pela Cidadania e Solidariedade/Nós Podemos Paraná. A entrega do termo de adesão ocorreu na sede do Sistema FIEP, no Jardim Botânico, e envolveu oito instituições que realizam ações em prol dos Objetivos de Desenvolvimento do Milênio (ODM) em Curitiba e na região metropolitana.

O Movimento Nacional pela Cidadania e Solidariedade (MNCS) foi criado em 2004 para conscientizar e mobilizar a sociedade civil, empresas, igrejas, universidades, escolas e os governos para se atingir, até 2015, os ODMs, estabelecidos pela ONU, em conjunto com 191 países, em 2000.

O Complexo integra o Movimento desde seu início. Promover a saúde da criança e do adolescente está no cerne da atuação em mais de nove décadas e vai ao encontro de várias metas, especialmente a redução da mortalidade infantil e o combate à aids, malária e outras doenças,  que são dois dos “8 Jeitos de Mudar o Mundo” – como são chamados no Brasil os Objetivos de Desenvolvimento do Milênio.

Além do Complexo, assinaram o termo de adesão a Associação Eunice Weaver do Paraná, Associação Beneficente São Roque, Conselho Comunitário de Segurança do bairro Água Verde, Faculdade Evangélica do Paraná, Associação Beneficente Dikaion, Instituto Cidade Júnior e Secretaria de Educação de Curitiba.

(Foto: Agência FIEP)

Inscrições abertas para vestibular na área da saúde da Faculdades Pequeno Príncipe

Estão abertas as inscrições para o Vestibular de Inverno 2013 da Faculdades Pequeno Príncipe. O período para que os interessados se inscrevam vai até 10 de junho e as provas serão aplicadas no dia 15 do mesmo mês, um sábado, no horário da manhã. Voltada para a área de saúde, a FPP oferece quatro cursos na graduação: Enfermagem (turno da manhã – 40 vagas), Biomedicina (turno da tarde – 40 vagas), Psicologia (turno da noite – 50 vagas) e Farmácia (turno da tarde – 50 vagas).

Para participar, o candidato deverá ter concluído o ensino médio ou equivalente e se inscrever através do site da Instituição (www.faculdadespequenoprincipe.edu.br). As aulas têm início já no segundo semestre de 2013.

Além dos cursos de graduação, a Faculdades Pequeno Príncipe também oferece pós-graduação lato sensu, atividades de extensão e pesquisa, além de mestrado e doutorado em Biotecnologia Aplicada à Saúde da Criança e do Adolescente, recentemente recomendado pela Capes/MEC. Todos os cursos são devidamente autorizados pelo Ministério da Educação. Conta com um corpo docente formado por especialistas, mestres e doutores, todos profissionais qualificados e com competências reconhecidas pela comunidade acadêmica.

Conheça os cursos de graduação da Faculdades Pequeno Príncipe:

Biomedicina

Pioneirismo da Faculdades Pequeno Príncipe que, numa estratégia alinhada com as profissões do futuro, lançou o primeiro curso de Biomedicina em Curitiba. A graduação forma profissionais que investigam e dão respostas técnicas e científicas em favor da saúde. Tem como principais áreas de atuação: análises clínicas, bancos de sangue, indústrias químicas e biológicas, inseminação artificial, entre muitas outras.

Enfermagem

Competência para cuidar do ser humano de forma solidária. Professores altamente qualificados, infraestrutura moderna e estágios garantidos oferecem aos futuros profissionais condições de trabalho nos diferentes campos de atuação da Enfermagem: assistencial, organizacional e educacional. E conta com a experiência acumulada de mais de 90 anos do Hospital Pequeno Príncipe.

Farmácia

Formação direcionada a todo âmbito de atuação do profissional farmacêutico: Fármacos e Medicamentos; Análises Clínicas e Toxicológicas; e Indústria. Em sintonia com as exigências do mercado, conta com disciplinas de ponta, como a área da Cosmetologia e da Fitoterapia. A ênfase na prática faz deste um curso de nível de satisfação bastante positivo entre os acadêmicos.

Psicologia

O Curso de Psicologia da Faculdades Pequeno Príncipe oferece uma formação científica comprometida com o exercício da cidadania, da ética e da transformação social, através de uma visão abrangente e integrada dos processos psicológicos.

Serviço:

Vestibular de Inverno da Faculdades Pequeno Príncipe – Cursos de Enfermagem, Biomedicina, Psicologia e Farmácia

Inscrições: até 10/06 pelo site www.faculdadespequenoprincipe.edu.br

Prova: 15/06 (sábado)

Investimento: R$ 40,00

Local: Faculdades Pequeno Príncipe (Av. Iguaçu, 333 – Rebouças)

Informações: pelo site www.fpp.edu.br ou telefone 41 3310-1500

Pequeno Príncipe assina pacto contra a violência sexual

A diretora-executiva do Hospital Pequeno Príncipe, Ety Cristina Forte Carneiro, participou nesta sexta-feira do Seminário Municipal de Enfrentamento da Violência Sexual Contra Crianças e Adolescentes e da assinatura do Pacto de Defesa dos Direitos de Crianças e Adolescentes Vítimas de Violência Sexual – uma promoção da Fundação de Ação Social (FAS). No seminário, a diretora apresentou a Cartilha de Enfrentamento Contra a Violência Sexual de Crianças e Adolescentes do Hospital.

O pacto inclui ações integradas nos eixos da defesa, da promoção e do controle e efetivação dos direitos da criança e do adolescente. “Teremos tolerância zero em relação à violência contra crianças e adolescentes”, definiu o prefeito Gustavo Fruet, na abertura do Seminário, na Universidade Positivo. A inicitaiva reuniu representantes do poder público municipal e estadual, Tribunal de Justiça do Paraná, Ministério Público do Paraná, Conselho Tutelar e Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente (Comtiba) e outras organizações, como o Complexo Pequeno Príncipe.

A união de esforços entre os diferentes setores, com a FAS propondo essa discução junto com diferentes instituições, organizações e os cidadãos torna a atuação eficaz. Nós somos agentes dessa mudança de realidade de maus-tratos. Somos nós quem devemos mudar as estatísticas. Precisamos discutir o que vamos fazer para a criança ter na escola um canal facilitador de denúncias a maus-tratos”, disse Ety.

De acordo com a presidente da FAS, Marcia Oleskovicz Fruet, o documento ratifica a união de esforços para fortalecer a rede de proteção à criança. “Precisamos fortalecer redes locais, aprimorar ações e diminuir as fragilidades institucionais. A FAS está ao lado de seus parceiros em ações integradas e continuadas neste pacto pela defesa dos direitos das crianças e dos adolescentes.”

A presidente do Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente (Comtiba), e coordenadora de Relações Institucionais do Hospital, Paula Baena, ressaltou a importância de se discutir o tema. “A violência contra a criança não tem classe econômica, social ou fronteiras, por isso as ações precisam ser sempre fortalecidas e renovadas. O pacto que assinamos hoje é uma renovação de compromisso, uma oportunidade de reavaliação”, afirmou.

(Foto: Daniel Caron)

Copa Nova York

A Copa Gastronômica Nova York foi um sucesso absoluto. O jantar de gala realizado no Gotham Hall reuniu 350 apoiadores e contou com brasileiros e norte-americanos que puderam conhecer de perto o trabalho realizado pelo Complexo Pequeno Príncipe. A homenageada da noite, Daniele Behring, não mediu esforços e mobilizou centenas de pessoas da sua rede de contatos. O resultado não poderia ser outro.

Além do jantar, preparado pelo estrelado time de chefs convocados pelo padrinho do projeto, Claude Troisgros, Alex Atala, Roberta Sudbrack e Thomas Troisgros (filho de Claude), além do francês Daniel Boulud e o franco-suíço Daniel Humm, a noite contou várias outras atrações, como a sobremesa cultural, seleção musical para harmonizar a noite de gala e tornar o evento inesquecível. A pianista Katie Fagotti, a solista Márcia Kaiser e o barítono Paulo Barato, todos da Escola de Música e Belas Artes do Paraná fizeram uma apresentação inesquecível

Hospital Pequeno Príncipe recebe equipamentos do estado

Duas incubadoras, dois bisturis eletrônicos e três camas elétricas foram incorporados ao patrimônio do Hospital Pequeno Príncipe, no início deste mês, a partir de doações do Governo do Estado. Os equipamentos, que somam cerca de R$ 100 mil, são importantes para reforçar o atendimento de excelência prestado pela instituição a crianças e adolescentes.
 
Uma das incubadoras e os bisturis foram solicitados pelo deputado estadual Pr. Gilson de Souza, por meio de uma emenda parlamentar apresentada na Assembleia Legislativa do Paraná (Alep). Os demais equipamentos foram destinados por iniciativa da Secretaria de Estado da Saúde (Sesa).
 
“Queremos agradecer ao governador Beto Richa e ao secretário Michele Caputo Neto por atender essa nossa solicitação, destinando esses equipamentos ao Pequeno Príncipe. É uma honra, através do mandato parlamentar, ser um instrumento para ajudar o HPP, que é um hospital de referência no atendimento infantil”, afirmou o deputado.
 
De acordo com o secretário, investir em hospitais filantrópicos reflete na qualidade do serviço prestado na rede pública de saúde. “Criamos o programa HospSUS justamente para dar apoio a esses hospitais. Somente neste ano destinaremos R$ 90 milhões em recursos para o custeio e investimentos nessas unidades”, frisou.
 

Complexo Pequeno Príncipe abre inscrições para trainee

O 6° Programa Jovens Talentos, do Complexo Pequeno Príncipe, já tem data marcada para as inscrições: entre 13 de maio e 14 de junho.

Se você é estudante de Marketing, Jornalismo, Publicidade, Relações Públicas, Comunicação Institucional, Economia, Administração e Direito, e tem interesse em participar, inscreva-se pelo link https://docs.google.com/spreadsheet/viewform?fromEmail=true&formkey=dGVKR0N0dnJkVlBBTHR5QkprT2o3QVE6MA.

O Jovens Talentos é um dos únicos programas de trainees desenvolvidos para uma instituição do terceiro setor no Brasil. Entre os pré-requisitos para participar, o graduando deve ter entre 17 e 24 anos, disponibilidade para trabalhar meio período ou em tempo integral, e vontade de aprender. O processo seletivo vai de 17 de junho a 12 de julho.

Durante cinco meses iniciais, os dez aprovados, atuarão no Projeto Gols pela Vida, serão remunerados de acordo com padrões do mercado, e terão uma experiência única nas áreas de negociação e relacionamento com clientes, bem como na busca de investidores e em desenvolvimento de projetos.

Segundo a gerente do Setor de Novos Projetos, Renata Iorio, também há um grande aproveitamento dos trainees nos quadros do Pequeno Príncipe. É comum, ainda, empresas parceiras buscarem profissionais que passam pelo programa. “Formamos um profissional polivalente. É um perfil que agrada muito às empresas”, destaca.

O estágio ainda permite criar uma rede de relacionamento com empresas de diversos segmentos, desenvolver competências e habilidades importantes para todas as carreiras, e ainda aprimorar a negociação e a criatividade.

Criado em 2009, o Programa Jovens Talentos do Pequeno Príncipe trabalha com o desenvolvimento de uma equipe ágil, cooperativa e apta a atingir metas ousadas. Os universitários se dedicam às áreas comercial, de relacionamento com clientes e desenvolvimento de projetos.

De acordo com Renata, a seleção atrai jovens com perfil contemporâneo e muito interessante. “É um pessoal que busca trabalho estimulante e desafiador, mas também ligado a uma causa social relevante. Aqui unimos as duas coisas.”

 Serviço:

6° Programa Jovens Talentos

Inscrições: de 13 de maio a 14 de junho

Processo seletivo: de 17 de junho a 12 de julho

Início do estágio: 22 de julho

Número de vagas: 10

Pequeno Príncipe dá início à Semana de Enfermagem

A valorização e o aprimoramento profissional são a tônica da Semana de Enfermagem do Hospital Pequeno Príncipe, que começou hoje. O tema deste ano é “Consciência Profissional e a Enfermagem no Cuidado com a Vida”.
 
A vice-diretora de Enfermagem do Hospital, Júnia de Freitas, revela que a intenção é “refletir sobre temas atuais em busca de aprimoramento na capacitação, com vistas a melhorar a assistência prestada”. Um dos diferenciais do evento deste ano em relação ao do ano passado são as palestras com profissionais de outras áreas, “para enriquecer o trabalho multidisciplinar desenvolvido no Pequeno Príncipe”, explica Júnia.
 
Outra novidade é a participação de enfermeiros residentes nas atividades, pois até 2012 eles não faziam parte do quadro de colaboradores do Hospital. Segundo a diretora de Enfermagem do HPP, irmã Aguilda de Abreu, a programação foi elaborada em prol do desenvolvimento técnico dos profissionais, mas sem deixar de lado “o comprometimento com o ser humano, mostrando que os dois pontos são realidade no nosso dia a dia”.
 
A programação, até o próximo sábado (19), reserva aos participantes palestras, treinamentos e um concurso cultural. As atividades serão realizadas em três períodos, para que enfermeiros, auxiliares e técnicos de enfermagem possam participar. Esses profissionais somam cerca de 720 pessoas, e a ideia da organização é envolver o maior número de interessados.
 
 
A mesma linha de pensamento foi demonstrada pelo diretor-técnico do Hospital, Dr. Donizetti Dimer Giamberardino Filho. Ele ressaltou o compromisso e o carinho da equipe de enfermagem para com os pacientes. “São profissionais muito importantes, que dispensam muita atenção e amor às crianças e adolescentes. Por isso é fundamental valorizá-los e mantê-los unidos.”
 
Quem também participou da abertura da Semana foi a coordenadora do Curso de Enfermagem da Faculdades Pequeno Príncipe, Karin Rosa Persegona. De acordo com ela, nessa profissão é necessário equilibrar virtudes morais e intelectuais para uma atuação mais humana. Afirmou ainda ser uma data especial para os profissionais do Hospital e da Faculdade.
 
A abertura da Semana de Enfermagem teve a participação do Coral Pequeno Príncipe e da cantora Orly Bach, que interpretaram, em momentos distintos, algumas canções para o público. Foi executada ainda uma apresentação de slides em que enfermeiros, técnicos e auxiliares foram fotografados em meio à rotina de trabalho.
 
Concurso
 

A programação da Semana de Enfermagem engloba, além das palestras, treinamentos e ginástica laboral, um concurso cultural. A partir do tema “Segurança do paciente, o que eu tenho a ver com isso?”, os interessados deverão elaborar trabalhos (frases, cartazes, maquetes, poesias) utilizando algumas das palavras relativas ao cotidiano profissional, constantes em um rol preparado pela comissão organizadora. Os trabalhos ficarão expostos no hall de entrada do refeitório, e os melhores serão premiados.

Faça sua doação